Fabio Wosniak/ Site CAP
Fabio Wosniak/ Site CAP

Com Nikão e sem Thiago Heleno, Athletico-PR pega Atlético-MG para subir na tabela

No duelo válido pelo primeiro turno, equipe paranaense surpreendeu rival no Mineirão, vencendo por 2 a 0

Redação, Estadão Conteúdo

12 de dezembro de 2020 | 13h16

Com Nikão, recuperado de dores musculares, o Athletico-PR vai em busca de um resultado positivo no Campeonato Brasileiro para entrar na briga pelos torneios continentais. O time paranaense enfrenta o Atlético-MG neste sábado, às 17h, na Arena da Baixada. O técnico Paulo Autuori aposta no entrosamento para surpreender os comandados de Jorge Sampaoli.

Além de Nikão, o zagueiro Felipe Aguilar e o lateral Khellven retornam ao time, assim como o meia Christian. Eles estão recuperados da covid-19 e foram relacionados. Por outro lado, o departamento médico do clube vetou os laterais Jonathan e Márcio Azevedo e o atacante Vitinho.

Os desfalques não param por aí. Paulo Autuori também não terá o zagueiro Thiago Heleno e o volante Wellington, suspensos. Zé Ivaldo deverá formar dupla defensiva com Pedro Henrique. Já Erick e Abner estarão nas laterais.

"Tentamos aproveitar a semana para recuperar alguns jogadores. O grupo está muito heterogêneo em relação à forma desportiva. Esperamos fazer um grande jogo contra o Atlético para sair com os três pontos", diz o treinador.

O Athletico se afastou da degola, mas vem de duas derrotas consecutivas, sendo a última diante do Fluminense, por 3 a 1. O time paranaense é o 12º colocado, com 28 pontos. Ao lado do Atlético Goianiense, o time paranaense tem o pior ataque do torneio com apenas 20 gols marcados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.