Williams Aguiar/Sport Club do Recife
Williams Aguiar/Sport Club do Recife

Com novas mudanças, Sport espera surpreender o Bahia

Depois de encerrar sequência sem vitórias, equipe pernambucana tenta embalar no Brasileirão

Estadão Conteúdo

05 Setembro 2018 | 06h38

O Sport voltou a enfrentar os mesmos problemas do primeiro turno do Campeonato Brasileiro. Depois de uma vitória suada sobre o Paraná, por 1 a 0, no último fim de semana, o clube teve que correr contra o tempo para realizar um único treino e já definir o time que viajou para Salvador. Nesta quarta-feira, às 19h30, o elenco comandado por Eduardo Baptista enfrenta o Bahia, na Fonte Nova, pela 23.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Antes de bater no Paraná, o Sport estava há 11 jogos sem ganhar. E, mesmo com o triunfo, o resultado não foi o suficiente para tirar o time da zona de rebaixamento. Com 23 pontos, o clube segue atrás do Vasco, que tem 24.

"Demos um passo importante voltando a vencer e quebrando esse jejum de vitórias que estava incomodando. Conseguimos, se não com o futebol que a gente espera, mas com muita luta. Agora é dar sequência. Temos um jogo fora de casa, um confronto direto, difícil. Temos que ter o mesmo empenho e atenção para surpreender o Bahia", disse o treinador.

Só que Eduardo Baptista vai enfrentar o mesmo problema que os seus antecessores. Único centroavante do elenco, Hernane Brocador não vai poder entrar em campo devido a um acordo entre as duas diretorias - o Bahia ainda paga uma parte do salário do jogador.

Rafael Marques, que conhece Eduardo Baptista dos tempos de Palmeiras, surge como uma opção. Morato, que vem entrando bem no segundo tempo, briga para assumir a vaga deixada pelas pontas. Além disso, o volante Deivid volta de suspensão e fará Nonoca ir para o banco.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.