José Patrício/AE
José Patrício/AE

Com opções, Tite evita confirmar time do Corinthians para enfrentar o Ceará

Treinador disse que irá definir os titulares no treino deste sábado

FÁBIO HECICO, Agência Estado

12 de agosto de 2011 | 19h03

O atacante Jorge Henrique cumpriu suspensão, enquanto o goleiro Júlio César e o atacante Liedson estão recuperados de contusão. Com isso, o técnico Tite ganha boas opções para montar o time, mas ele ainda não quis confirmar a escalação do Corinthians para o jogo de domingo, contra o Ceará, no Pacaembu, pelo Brasileirão. Na entrevista coletiva desta sexta-feira, preferiu fazer mistério e deixou algumas dúvidas na definição da equipe.

A única certeza dada por Tite nesta sexta-feira foi a entrada do lateral-esquerdo Ramon na vaga de Fábio Santos, que sofreu fratura na clavícula, passou por cirurgia e ficará dois meses sem jogar. Outra mudança certa é a volta do volante Ralf, que desfalcou o time no clássico com o Santos, na última quarta, porque estava com a seleção brasileira na Alemanha - assim, Moradei volta para o banco de reservas no jogo deste domingo.

No caso de Julio Cesar, recuperado de luxação no dedo mínimo da mão esquerda, Tite revelou que o goleiro "está bem", mas preferiu definir sobre seu retorno apenas neste sábado. O treinador, no entanto, já adiantou que Danilo Fernandes soube aproveitar as oportunidades que teve como titular e, assim, passa a ser o reserva imediato da posição, deixando o recém-contratado Renan como o terceiro goleiro do elenco corintiano.

Liedson é outro que já está recuperado - passou por artroscopia no joelho esquerdo no dia 22 de julho. Tite, porém, também não quis confirmar sua presença no jogo de domingo. "Falei com ele. Ele disse que se sentiu bem (no treino). Mas quero falar com o departamento físico para saber quanto tenho de margem de segurança", explicou o treinador, adiantando que não sabe se o atacante terá condições de aguentar os 90 minutos da partida.

Assim, Liedson, Jorge Henrique, Emerson, Willian, Danilo e Alex brigam por quatro vagas disponíveis no time titular. Segundo Tite, "o momento individual e o equilíbrio da equipe" são os dois fatores que levará em consideração para escolher a escalação. "Não é mistério, quero esperar até amanhã (sábado) para definir a equipe. Não posso arriscar. Seria irresponsável", afirmou o treinador, consciente da importância do jogo com o Ceará.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthiansTite

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.