Com pênalti no fim, Arsenal avança na Copa da Inglaterra

Com dez homens em campo, o Arsenal conseguiu uma sofrida vitória por 2 x 1 em casa sobre o Huddersfield, da terceira divisão, neste domingo.

REUTERS

30 de janeiro de 2011 | 13h54

Cesc Fabregas saiu do banco para converter uma penalidade máxima aos 41 do segundo tempo e fazer o time avançar à quinta rodada da Copa da Inglaterra.

Tudo parecia estar indo bem para o dez vezes campeão quando um chute desviado de Nicklas Bendtner colocou o Arsenal à frente aos 22 minutos de jogo, mas o zagueiro Sebastien Squillaci foi expulso vinte minutos depois por falta em Jack Hunt.

O Huddersfield cresceu no jogo e depois de várias chances e boas defesas de Manuel Almunia, empatou na cabeçada de Alan Lee após cobrança de escanteio.

O Arsenal, que perdeu Samir Nasri com uma contusão séria, tentou reagir e conseguiu um pênalti quando Jamie McCombe derrubou Bendtner na área. Assim como no empate pela terceira rodada com o Leeds United, Fabregas converteu a penalidade no final do jogo.

(Por Mitch Phillips)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.