Com polêmicas, Ponte Preta perde a 1ª e Ceará é vice-líder da Série B

Campinenses deixaram o campo reclamando de gol irregular dos adversários e pênalti polêmico

AE, Agência Estado

24 de maio de 2014 | 00h06

HORIZONTE - A Ponte Preta conheceu nesta sexta-feira a sua primeira derrota no Campeonato Brasileiro da Série B ao ser batida pelo Ceará por 3 a 2, no estádio Horácio Domingos, em Horizonte (CE), pela sétima rodada. Os campineiros deixaram o campo reclamando bastante da arbitragem, que assinalou um pênalti polêmico e validou um gol irregular dos cearenses.

Sem perder há cinco jogos - três vitórias e dois empates -, o Ceará chegou aos 14 pontos e assumiu provisoriamente a vice-liderança, já que Joinville e Luverdense entram em campo apenas neste sábado. A Ponte Preta, que ainda não havia sido derrotada, perdeu a chance de entrar no G4 e estacionou nos 10 pontos, em sexto lugar.

O primeiro tempo foi bastante equilibrado. Aos 14 minutos, o árbitro marcou pênalti depois da bola acertar o braço de Gilvan. Magno Alves bateu bem e colocou o Ceará na frente. O empate do time campineiro saiu apenas aos 42. Juninho foi lançado em velocidade e cruzou rasteiro para Edno, que bateu de primeira. Jailson ainda tocou nela, mas não conseguiu defender.

A etapa final foi cheia de lances polêmicos. Aos 5 minutos, Bill aproveitou bate e rebate dentro da área e, em posição irregular, completou de cabeça para o gol. Melhor em campo, o Ceará ampliou em cobrança de falta do meia Ricardinho. A barreira estava mal armada e ainda abriu no chute. Além disso, o goleiro Roberto demorou para ir na bola.

Atrás do placar, a Ponte Preta diminuiu aos 25 minutos, com Alexandro em cobrança de pênalti. Depois disso, o time campineiro pressionou em busca do empate, mas sem sucesso. Nos acréscimos, Vicente fez falta dura em cima de Alexandro e foi expulso.

Os dois times voltam a campo na próxima terça, pela oitava rodada. O Ceará recebe o Vila Nova, às 21h50, novamente em Horizonte, enquanto que a Ponte Preta enfrenta o Paraná, às 19h30, em Curitiba.

FICHA TÉCNICA

CEARÁ 3 x 2 PONTE PRETA

CEARÁ - Jailson; Samuel Xavier, Diego Ivo, Sandro e Vicente; João Marcos, Marcus Vinícius, (Eduardo) Ricardinho e Nikão (Gil); Bill (Marcos) e Magno Alves. Técnico: Sérgio Soares.

PONTE PRETA - Roberto; Daniel Borges, César, Gilvan e Bryan; Juninho, Élton (Vinícius) e Léo Cittadini (Adrianinho); Cafu, Edno (Rodolfo) e Alexandro. Técnico: Dado Cavalcanti.

GOLS - Magno Alves (pênalti), aos 14, e Edno, aos 42 minutos do primeiro tempo; Bill, aos 5, Ricardinho, aos 18, e Alexandro (pênalti), aos 25 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Samuel Xavier e Diego Ivo (Ceará); Rodolfo (Ponte Preta).

CARTÃO VERMELHO - Vicente (Ceará).

ÁRBITRO - Renato Cardoso da Conceição (MG).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Horácio Domingos, em Horizonte (CE).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BCearáPonte Preta

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.