Ivan Storti/Santos FC
Ivan Storti/Santos FC

Com poucos gols até agora, Santos tenta acertar o alvo contra Botafogo

Soteldo volta ao time em partida contra o clube de pior defesa do Campeonato Paulista

Redação, O Estado de S.Paulo

10 de fevereiro de 2020 | 04h30

Famoso por sua tradição de futebol ofensivo, o Santos mostrou nas quatro primeiras rodadas do Campeonato Paulista um ataque pobre – fez apenas quatro gols. Hoje, às 20 horas, o time alvinegro terá boa oportunidade para melhorar o índice contra o Botafogo, que tem a pior defesa da competição. Mas esse não é o único motivo para otimismo dos alvinegros.

No estádio da Vila Belmiro, o Santos terá a volta de Soteldo, seu atacante mais criativo e imprevisível. O técnico português Jesualdo Ferreira e a torcida do Santos esperam que o retorno do venezuelano torne o ataque alvinegro mais eficiente.

Apesar do pouco tempo de trabalho, o treinador já tem ouvido críticas, especialmente depois da fraca atuação no clássico. Em sua defesa, Jesualdo Ferreira pode dizer que a equipe estava muito desfalcada, o que não vai acontecer hoje.

Além de Soteldo, o time terá a volta do volante Alison e do meia uruguaio Carlos Sánchez, que não enfrentaram o Corinthians por causa de pequenos problemas físicos. O treinador também terá pela primeira vez à disposição o zagueiro Lucas Veríssimo, recuperado de uma lesão de joelho, e o lateral-direito Madson, ex-Athletico-PR.

Se vencer o Botafogo, o Santos vai abrir vantagem na liderança do Grupo A, o que dará alguma tranquilidade a Jesualdo. No momento, o time alvinegro tem sete pontos, um a mais do que a Ponte Preta, vice-líder da chave. A distância para o Água Santa, terceiro colocado, subirá para seis pontos em caso de triunfo santista.

O Botafogo ainda não venceu, mas mesmo assim deve adotar uma postura mais cautelosa. O técnico Wagner Lopes afirmou que vai fazer mudanças no time e deve optar por uma escalação mais defensiva.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.