Maurizio Degl'Innocenti/ EFE
Maurizio Degl'Innocenti/ EFE

Com primeiro-ministro na torcida, Fiorentina goleia e reassume topo

Sob olhares de Matteo Renzi, 'Viola' faz 4 a 1 sobre o Frosinone

Estadão Conteúdo

01 de novembro de 2015 | 13h02

A Fiorentina contou com a torcida do primeiro ministro italiano Matteo Renzi no Estádio Artemio Franchi, em Florença, para assumir a liderança do Campeonato Italiano. Jogando em casa, a equipe do técnico Paulo Sousa goleou o novato Frosinone por 4 a 1 retomou a ponta do torneio na sua 11.ª rodada.

Com o resultado, a Fiorentina foi aos mesmos 24 pontos que a Inter de Milão, ficando à frente do rival pelo saldo de gols: 13 a quatro. No sábado, a Inter recebeu a Roma e venceu o clássico por 1 a 0.

Desejando voltar à liderança, a Fiorentina abriu o placar contra o Frosinone aos 24 minutos. Rebic tentou cruzar da direita, pegou "mal" na bola e mandou no ângulo direito do goleiro, que ficou sem reação.

Aos 29, Matias Fernández cruzou da esquerda e Gonzalo Rodríguez desviou de calcanhar para fazer um golaço. De pênalti, Babacar fez o terceiro. Ainda era o primeiro tempo quando Mario Suárez saiu na cara do goleiro e, com uma cavadinha, fez mais um belo gol. Em 19 minutos, a Fiorentina matou o jogo. Ao Frosinone só restou descontar, com Frara, aos 42 da segunda etapa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.