Lucas Uebel/Gremio.net
Lucas Uebel/Gremio.net

Com problemas na defesa, Grêmio trabalha para ter volta de dupla de zaga titular

Derrota para o Santos expôs dificuldades defensivas com as ausências de Geromel e Kannemann

Redação, Estadão Conteúdo

12 de outubro de 2020 | 18h02

Com novos problemas no seu sistema defensivo, o Grêmio trabalha para ter as voltas dos zagueiros Pedro Geromel e Kannemann na partida contra o Botafogo, quarta-feira, em Porto Alegre, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. Ambos estão recuperados do coronavírus e agora dependem da avaliação física para serem aproveitados no meio de semana.

A necessidade deve acelerar o retorno de ambos. Afinal, no domingo, David Braz foi expulso durante a derrota por 2 a 1 para o Santos e precisará cumprir suspensão automática. Além disso, Paulo Miranda teve de ser substituído no intervalo da partida. Assim, o técnico Renato Gaúcho pode ser forçado a recorrer aos jovens Rodrigues, que entrou durante o duelo na Vila Belmiro, e Ruan.

O treinador, porém, preferiu ser cauteloso ao comentar sobre a possibilidade de retorno da dupla de zaga titular. "Precisamos conversar com os jogadores, ver como estão se sentindo. Fizeram três ou quatro treinos depois que voltaram da covid-19, mas estavam muito cansados. Vou conversar e, a partir daí, defino a equipe da quarta-feira", afirmou.

O meia Jean Pyerre é outro jogador recuperado do coronavírus que depende da situação física para voltar a ser aproveitado. Certo mesmo, assim, é o retorno do volante Matheus Henrique, que cumpriu suspensão automática diante do Santos.

A partida contra o Botafogo será disputada a partir das 19h15 de quarta-feira. Com 17 pontos, o Grêmio é apenas o 14º colocado no Brasileirão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.