Gilvan De Souza / Flamengo
Gilvan De Souza / Flamengo

Com reestreia de Júlio César, Flamengo enfrenta o Boavista pela Taça Rio

Defesa do rubro-negro deve ter Rodinei, Juan, Rhodolfo e Renê; Vinícius Júnior não joga devido a suspensão

Estadão Conteúdo

07 Março 2018 | 07h50

Após 13 anos de sua última partida pelo clube, o goleiro Júlio César pode fazer sua reestreia e talvez a sua despedida do Flamengo e do futebol nesta quarta-feira, às 21h45, contra o Boavista, no estádio Raulino de Oliveira, pela quarta rodada da Taça Rio.

+ Ferj afasta juiz e auxiliar por 'erros graves' em Flamengo x Botafogo

Com a vaga assegurada na semifinal do Campeonato Carioca, o Flamengo aproveita para utilizar os jogadores que não vinham sendo aproveitados, além de dar uma oportunidade a um ídolo da torcida. O campeão da Taça Guanabara tem seis pontos, na vice-liderança do Grupo B, mesma pontuação do Vasco, o primeiro colocado.

Enquanto isso, o Boavista, grande surpresa da Taça Guanabara, segue sonhando com a classificação. Atualmente, está com seis pontos no Grupo C, a três do Fluminense, que tem 100% de aproveitamento na Taça Rio.

Apesar da derrota, por 4 a 3, para o Vasco no domingo, o Boavista deve repetir a escalação para encarar o Flamengo. Como fez um jogo de igual para igual com um dos candidatos ao título, o técnico Eduardo Allax tem optado por manter a base para tentar surpreender novamente. Isso sem contar com três atletas que vêm desfalcando o clube nas últimas rodadas.

"A preparação é focada na recuperação dos atletas que após o jogo contra o Vasco em Cariacica. Já viajamos para Volta Redonda, onde esperamos realizar um grande jogo contra o Flamengo. Os desfalques são Felype Gabriel, Erik Flores e Kadu que ainda estão na transição do DM para o treinamento", afirmou o treinador.

O Flamengo viajou sem Trauco, lesionado, e Vinícius Júnior, expulso na última rodada. Além deles, Réver será poupado e Jonas dará lugar a Cuéllar. No sistema defensivo, Juan formará dupla com Rhodolfo, enquanto Rodinei e Renê jogarão nas laterais. A principal novidade, no entanto, fica por conta do retorno de Júlio Cesar.

"Encontrei um Flamengo completamente diferente, mais estruturado. Perdi a vontade de jogar no Benfica e resolvi retornar, mas por pouco tempo. Quero curtir minha família em Lisboa. Mas está sendo muito prazeroso voltar a esse clube e reencontrar amigos como Juan e Diego", disse o goleiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.