Site oficial do Atlético-MG
Site oficial do Atlético-MG

Com reservas, Atlético perde da Caldense e pega URT nas semifinais do Mineiro

Time sofre virada e cai por 2 a 1, no Ronaldão, em Poços de Caldas

Estadao Conteudo

09 de abril de 2017 | 18h22

Classificado antecipadamente às semifinais do Campeonato Mineiro em primeiro lugar, o Atlético poupou os titulares na última rodada da fase inicial e foi derrotado. Neste domingo, o time caiu, de virada, por 2 a 1 para a Caldense, no Ronaldão, em Poços de Caldas, sofrendo a segunda derrota consecutiva na competição.

Esses tropeços levaram o Atlético a fechar a primeira fase do Mineiro com os mesmos 27 pontos do segundo colocado Cruzeiro, mas em vantagem nos critérios de desempate por ter uma vitória a mais - 9 a 8. Os outros classificados às semifinais foram o América, terceiro colocado, e a URT, quarto, ambos com 19 pontos.

Já pensando no duelo da próxima quinta-feira com o boliviano Sports Boys pela Copa Libertadores, o técnico Roger Machado não levou os titulares para Poços Caldas e até mesmo alguns reservas importantes, como Rafael Moura e Luan, apostando em alguns jovens da base, como o atacante Flávio e o lateral Leonan, mas também em reforços que chegaram ao clube nesta temporadas, casos de Felipe Santana, Marlone, Adilson e Danilo.

Mesmo sem os titulares, o Atlético dominou o primeiro tempo da partida, embora a falta de entrosamento entre os jogadores escalados por Roger Machado fosse nítido, provocando muitos erros. Ainda assim, conseguiu criar as principais oportunidades de gol, como ocorreu aos 32 minutos, quando o goleiro Neguete fez ótima defesa após cabeceio de Flávio, que completou cruzamento de Leonan.

Pouco depois, o Atlético perdeu o zagueiro Jesiel, lesionado, mas ainda teve o que comemorar no primeiro tempo. Afinal, aos 37, Marlone cobrou falta de muito longe e Neguete falhou, não conseguindo fazer a defesa, permitindo que o meia-atacante marcasse o seu primeiro gol pelo clube.

Só que a etapa final foi completamente diferente. A Caldense ameaçou o Atlético logo no primeiro lance do segundo tempo, com Wellington Rato. E logo arrancou o empate, aos quatro minutos, com o gol marcado por Luiz Eduardo de cabeça, aproveitando falha de Carlos César e Felipe Santana depois de um cruzamento.

O gol motivou a Caldense, que ainda tinha chances de classificação às semifinais, e passou a dominar o jogo, chegando com perigo em avanços de Wellington Rato pela ponta direita e também em jogadas aéreas, como aos 20 minutos, quando Cristiano quase marcou.

O Atlético ainda perdeu Danilo para o primeiro jogo das semifinais por ter recebido o terceiro cartão amarelo e ameaçou em um cabeceio de Nathan, aos 25 minutos, defendido por Neguete. Só que a Caldense acabou conseguindo a virada. Aos 31, Cristiano avançou desde a intermediária e chutou forte de longe, marcando um belo gol. Yago ainda teve uma última chance para empatar o jogo, mas parou em Neguete. Assim, o Atlético foi derrotado.

A vitória, porém, não classificou a Caldense, que fechou o Mineiro em quinto lugar, com 17 pontos. O time precisava de um tropeço do URT, o que não aconteceu - o time de Patos de Minas venceu o Tombense por 2 a 1, fora de casa, e garantiu o quarto lugar. Assim, será o rival do Atlético nas semifinais.

Já classificado, o América sacramentou a terceira posição ao empatar por 1 a 1 com o Villa Nova, no Independência. Agora, enfrentará o segundo colocado Cruzeiro nas semifinais, fase que terá os jogos de ida disputados no próximo fim de semana.

Tudo o que sabemos sobre:
atletico-mgfutebolCaldense

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.