Com reservas, Corinthians joga clássico contra Santos

Um Corinthians completamente diferente ao que o torcedor está acostumado a ver estará em campo no clássico contra o Santos, neste domingo, às 16 horas, na Vila Belmiro, em Santos, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. Diferente apenas na relação de jogadores, mas não na vontade de vencer, como prega o técnico Mano Menezes.

FÁBIO HECICO, Agencia Estado

31 de maio de 2009 | 09h25

Com o pensamento voltado para a partida de volta contra o Vasco, na próxima quarta-feira, no Pacaembu, pelas semifinais da Copa do Brasil, o comandante corintiano resolveu escalar um time completo de reservas no duelo contra o Santos.

Além de Ronaldo, suspenso pelo STJD, todos os outros 10 titulares serão poupados. Mano minimiza o fato de escalar reservas e até ironiza quanto ao pensamento dos santistas de vingança pela perda do título do Campeonato Paulista.

A aposta do corintiano é no centroavante Souza, que desencantou na rodada anterior do Nacional, diante do Barueri, e substituiu bem Ronaldo diante do Vasco, na última quarta-feira, pela Copa do Brasil. O atacante, apesar de estar evitando as entrevistas, garante estar empolgado com o bom momento e espera fazer com que o clássico vire seu momento de redenção. Apoio ele vem recebendo, resta saber como responderá.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.