Divulgação
Divulgação

Com reservas, Cruzeiro pega Joinville e tem volta de Dedé na Primeira Liga

Mano Menezes relacionou apenas 17 jogadores para o confronto

Estadão Conteédo

21 de março de 2017 | 07h26

Líder isolado do Grupo C e já classificado para a próxima fase da Copa da Primeira Liga, o Cruzeiro vai tentar manter os 100% de aproveitamento na abertura da terceira rodada nesta terça-feira, às 19 horas, contra o Joinville, na Arena Joinville, em Santa Catarina. O curioso é que os dois times vão utilizar um time reserva.

Mano Menezes relacionou apenas 17 jogadores para a partida e utilizará somente reservas na escalação inicial. O destaque fica por conta da volta do zagueiro Dedé, que está há mais de um ano sem atuar devido a uma lesão no joelho.

Nesta segunda-feira, Dedé chegou a se emocionar ao comentar a sua volta, agradecendo a todos os profissionais que o ajudaram no longo processo de reabilitação. "Depois de tanto tempo, estava na expectativa de ser relacionado, de sentir aquela emoção de saber que vou vestir uma camisa de jogo, não apenas a de treino. Fiquei feliz e muito emocionado. Passaram muitas coisas pela cabeça, porque foi um momento de muita reflexão e aprendizado. Foram muitas coisas boas na minha vida nesse tempo parado, sem jogar", afirmou.

Dedé sofreu a fratura na patela do joelho direito durante partida contra o América, pelo Campeonato Mineiro, e foi operado. Como teve uma recidiva da lesão, precisou passar por nova cirurgia no local.

Com apenas um ponto, na lanterna e praticamente eliminado, o Joinville nem se importa mais com a competição. Mais preocupado com o clássico contra o Criciúma na próxima quinta-feira, pelo Campeonato Catarinense, o time não terá nem a sua comissão técnica. Treinador do time sub-20 do clube, Julian Tobar também levará uma equipe formada toda por jogadores da categoria de base.

Desta forma, parece difícil o time catarinense buscar um milagre. A sua única chance de classificação é uma goleada por pelo menos quatro gols de diferença e, assim, conseguir ultrapassar o Atlético-MG, atual segundo colocado, com quatro pontos e saldo superior: 1 contra -2.

Tudo o que sabemos sobre:
Primeira LigafutebolCruzeiroJoinville

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.