Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE
Pedro Azevedo/Santos FC
Pedro Azevedo/Santos FC

Com reservas, Santos visita Fortaleza para seguir perto do G-6 e 'treinar' para Libertadores

Do time titular, apenas Felipe Jonatan e Lucas Braga devem ser escalados para partida no Castelão

Leandro Silveira, O Estado de S.Paulo

21 de janeiro de 2021 | 05h00

Ao mesmo tempo em que conta os dias para a disputa da decisão da Copa Libertadores, o Santos tenta não se desligar da briga por uma vaga na próxima edição do torneio. Nesta quinta-feira, com um time cheio de reservas, enfrenta o Fortaleza, no Castelão, às 19 horas, pela 31.ª rodada do Campeonato Brasileiro, em confronto para não se distanciar dos primeiros colocados e ainda testar algumas opções visando o duelo do dia 30 com o Palmeiras.

Em função do desgaste pela sequência de compromissos pela longa viagem para Fortaleza, Cuca nem relacionou alguns titulares: John, Pará, Lucas Veríssimo, Diego Pituca, Marinho, Soteldo e Kaio Jorge. E só deve escalar dois jogadores com garantia de titularidade no Maracanã: Felipe Jonatan e Lucas Braga, embora o treinador não tenha indicado a formação que utilizará.

"É óbvio que teremos o jogo mais importante dos últimos anos no dia 30 e não dá para apagar isso da cabeça, porém, ainda estamos vivos na briga pelo G-6 do Brasileirão e não podemos largar isso. Nosso grupo já vem mostrando que é muito forte e essa partida com o Fortaleza será mais uma oportunidade para seguir brigando lá em cima, então vamos com tudo em busca dessa vitória”, afirmou Felipe Jonatan.

A partida, no entanto, será importante para ao menos outros dois jogadores em busca de ritmo para a decisão. Sandry desponta como forte candidato a formar a dupla de volantes no Maracanã com Diego Pituca, pois Alison se tornou dúvida após contrair o coronavírus e Jobson sofrer uma grave lesão no joelho que vai afastá-lo dos gramados por ao menos seis meses.

Além disso, há uma disputa interna pela titularidade da meta santista. João Paulo foi titular no segundo jogo da semifinal da Libertadores diante do Boca Juniors, mas pode ter nesta quarta-feira a última chance de convencer o treinador a escalá-lo na decisão, pois John está recuperado do coronavírus.

O Santos é o oitavo colocado no Brasileirão, com 45 pontos, uma posição que poderia ser melhor, não fosse a decisão de Cuca de priorizar a Libertadores, o que provocou alguns tropeços, especialmente fora de casa, como nos duelos no Rio contra Flamengo e Vasco. Porém, na última vez em que escalou os reservas, o resultado foi bom - vitória no clássico com o São Paulo.

E os suplentes deverão ter importância na busca por novos resultados positivos, pois também devem ser escalados na próxima terça-feira, diante do Atlético-MG, no Mineirão - antes, no domingo, a força máxima deverá ser acionada contra o Goiás, na Vila Belmiro. Além disso, vão defender uma série invicta de cinco jogos do time na temporada, com três triunfos consecutivos.

É um momento bem diferente ao do Fortaleza, que está sem ganhar há oito jogos e vê a zona de rebaixamento cada vez mais perto, pois soma apenas 32 pontos. Sem desfalques em relação ao time que foi derrotado pelo Internacional, no último domingo, por 4 a 2, o técnico Ederson Moreira não deve fazer grandes mudanças.

"Nosso time jogou bem em Porto Alegre. Saímos atrás, mas buscamos o empate por 2 a 2. Mas é preciso ponderar que o Internacional tem um elenco muito forte e está muito bem preparado fisicamente", ponderou o técnico do Fortaleza, esperançoso em uma boa atuação do time para acabar com o jejum de vitórias.  

FICHA TÉCNICA

FORTALEZA X SANTOS

FORTALEZA - Felipe Alves; Tinga, Paulão, Wanderson e Carlinhos; Felipe e Juninho; Romarinho, David e Osvaldo; Wellington Paulista. Técnico: Enderson Moreira.

SANTOS - João Paulo; Madson, Luiz Felipe, Alex e Felipe Jonatan; Vinicius Balieiro, Sandry e Jean Mota; Lucas Braga, Bruno Marques (Marcos Leonardo) e Arthur Gomes. Técnico: Cuca.

HORÁRIO - 19 horas.

ÁRBITRO - Ricardo Marques Ribeiro (MG).

LOCAL - Castelão, em Fortaleza (CE). 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.