Reprodução/Fortaleza Twitter
Reprodução/Fortaleza Twitter

Com time mudado, Fortaleza tenta encerrar série negativa contra Chapecoense

Comandados de Rogério Ceni ocupam a 16ª colocação com apenas três pontos somados em quatro rodadas

Redação, Estadão Conteúdo

19 de maio de 2019 | 14h41

Há dois jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro, o Fortaleza tenta encerrar a série negativa no duelo contra a Chapecoense, marcado para este domingo, às 16 horas, na Arena Condá, pela quinta rodada. O técnico Rogério Ceni deve continuar rodando a equipe. Com isso, muitas mudanças devem ocorrer em relação o empate sem gols diante do Athletico Paranaense, pela Copa do Brasil.

As principais alterações são do meio para a frente. Felipe, Juninho e Edinho vão formar o meio de campo, enquanto Osvaldo, Wellington Paulista e Kieza comandarão o ataque. O primeiro, inclusive, disputa posição com Marcinho entre os titulares.

"Colocaremos em campo pelo menos meio time novo. A partida acaba sendo importante, pois teremos um adversário que briga na mesma prateleira que o Fortaleza no Campeonato Brasileiro. Precisamos jogar bem, além de pontuar. Chega uma hora que cansa jogar bem, sendo que o resultado não vem", disse Rogério Ceni.

O Fortaleza vem de derrotas para Botafogo (1 a 0) e São Paulo (1 a 0), e soma três pontos na tabela de classificação, conquistados no único triunfo do time até o momento, diante do Athletico-PR, por 2 a 1.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.