Gilvan de Souza / Flamengo
Gilvan de Souza / Flamengo

Com titulares voltando das férias, Flamengo estreia com jovens no Carioca

Único jogador que deve atuar hoje e não foi formado nas categorias de base do rubro-negro

Estadão Conteúdo

17 Janeiro 2018 | 07h58

Ainda sem contar com os principais jogadores do elenco, o Flamengo vai começar o ano de 2018, agora com o técnico Paulo César Carpegiani, nesta quarta-feira, às 21h45, quando os atuais campeões estaduais estrearão no Campeonato Carioca contra o Volta Redonda, no estádio Raulino de Oliveira.

+ Marlos Moreno lamenta poucas chances na Europa e celebra chegada ao Flamengo

+ Flamengo bate Audax e enfrenta o Avaí nas quartas de final da Copa SP

Os dois times estão no Grupo B do Carioca, ao lado de Bangu, Cabofriense, Nova Iguaçu e Vasco. Na outra chave estão Boavista, Botafogo, Fluminense, Macaé, Madureira e Portuguesa.

Como os jogadores do elenco principal do Flamengo acabaram de retornar de férias, já que disputaram a final da Copa Sul-Americana no dia 13 de dezembro, Carpegiani vai mandar a campo uma equipe repleta de jovens das divisões de base, a maioria recebendo sua primeira oportunidade no time profissional.

O único jogador que não foi formado na base e vai atuar é o volante Jonas, que retornou de empréstimo ao Coritiba. Ele deve ser o capitão da jovem equipe. E a tendência é que o campeonato estadual seja utilizado para dar rodagem ao elenco mesmo depois que os principais atletas estiverem de volta.

O Volta Redonda promete ser um dos times mais perigosos do interior do Rio, com a base mantida após a campanha em que chegou até a semifinal da Série C do Campeonato Brasileiro em 2017, ficando perto do acesso.

A maior preocupação do técnico Felipe Surian, no entanto, é o setor defensivo, já que o treinador perdeu três peças importantes. Os zagueiros Luan e Maílson e o lateral-esquerdo Cristiano deixaram o clube e serão substituídos por Bruno Costa, Daniel Felipe e Michel no time titular.

Mais conteúdo sobre:
futebol Volta Redonda [RJ] Flamengo

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.