Lee Smith/Reuters
Lee Smith/Reuters

Com três gols de Agüero, Manchester City vence e segue folgado na ponta do Inglês

Sem Gabriel Jesus, equipe de Pep Guardiola sofreu para derrotar o Newcastle em casa

Estadão Conteúdo

20 Janeiro 2018 | 17h54

O Manchester City mostrou que não se abalou com a derrota para o Liverpool no seu compromisso anterior pelo Campeonato Inglês, a sua primeira na competição. Neste sábado, diante do seu torcedor, no Etihad Stadium, o time do técnico Pep Guardiola teve dificuldade mas venceu o Newcastle por 3 a 1, e continua tranquilo seu caminho rumo ao título nacional.

+ TEMPO REAL: Confira os lances da partida

+ Confira a tabela de classificação do Campeonato Inglês

Sem Gabriel Jesus, ainda fora de combate, se recuperando de lesão no joelho, o grande destaque da partida foi o argentino Agüero. Com repertório variado, o camisa 10 fez os três gols da vitória. O primeiro de cabeça, resvalando cruzamento de De Bruyne, o segundo em cobrança de pênalti e o terceiro em finalização dentro da área, em que completou linda jogada de Sané. Murphy, em linda cavadinha, marcou o gol do Newcastle.

Com mais gol tentos anotados, o argentino, maior artilheiro da história do Manchester City e jogador de fora da Europa com mais gols no Campeonato Inglês, chegou à marca de 22 na temporada, sendo 16 deles marcados no torneio nacional. Além de tudo, Agüero é carrasco do Newcastle, equipe contra a qual já marcou 14 vezes.

Com a vitória, a 21ª no campeonato, o time de Guardiola continua tranquilo na liderança. Tem agora 65 pontos, 12 a mais do que o vice-líder Manchester United, que venceu o Burnley neste sábado. O Newcastle luta para fugir da zona de rebaixamento. É o 15º, com 23 pontos, dois a mais que o Southampton, primeiro time dentro da zona de rebaixamento.

Com a bola rolando, o City fez o que costuma fazer em todos os seus jogos, especialmente em casa: pressionar o adversário, abafar a saída de jogo e usar as laterais para atacar. No entanto, mesmo com esmagadora posse de bola, que passava de 80%, os donos da casa demoraram a engrenar, principalmente pela boa marcação do adversário.

Foi então que apareceu o talento do belga De Bruyne, que encontrou Agüero livre dentro da área. O argentino resvalou o cruzamento bem de leve, o suficiente para a bola balançar as redes aos 34 minutos do primeiro tempo. Foi o décimo passe De Bruyne para gol no Campeonato Inglês, sendo o líder desse quesito.

Na etapa final, o time de Guardiola não diminuiu o ritmo e chegou ao segundo gol aos 17 minutos. Sterling foi ao fundo e acabou derrubado dentro da área. Na cobrança, Agüero bateu com força no canto e ampliou a vantagem, que foi reduzida quatro minutos depois em belo contra-ataque do Newcastle, concluído com linda cavadinha de Murphy na saída de Éderson.

O City selou a vitória em belo lance de Sané. O alemão recebeu na intermediária, foi à frente, driblou três marcadores, deu uma bela caneta dentro da área e rolou para Agüero, que teve tempo de dominar e bater de esquerda para selar o triunfo do líder disparado do Inglês.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.