Com um a mais, Barueri derruba a líder Ponte Preta

Agora, equipe de Campinas torce pelo tropeço do Guaratinguetá para manter a liderança

Redação,

20 de fevereiro de 2008 | 21h34

Com um jogador a mais desde os 17 minutos do primeiro tempo, o Barueri bateu a líder Ponte Preta por 2 a 0, na noite desta quarta-feira, na Arena Barueri, pela décima rodada do Campeonato Paulista. Com o resultado, os donos da casa chegaram aos 17 pontos e encostaram nos primeiros colocados. Já a equipe de Campinas, apesar do revés, segue na liderança, com 22 pontos. Veja também: Classificação Calendário / ResultadosAssim, a equipe visitante segue com a sina de nunca ter vencido o rival. Até agora, foram quatro jogos, três derrotas e um empate. O Barueri acabou beneficiado com a expulsão do volante Bilica ainda na fase inicial do jogo. Com um a menos, a Ponte foi obrigada a se fechar e chamou o adversário ao ataque. O primeiro gol dos donos da casa saiu aos sete do segundo tempo. O volante Flávio cobrou escanteio na área e o volante Diego marcou de cabeça. Aos 30’, Thiago Humberto cruzou para Pedrão, que decretou a vitória.No próximo sábado, às 18h10, o Barueri volta a campo para enfrentar o São Caetano, no Estádio Ulrico Mursa, em Santos, já que o Anacleto Campanella segue interditado. A Ponte Preta jogará contra o Corinthians, no domingo, às 16 horas, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas.   BARUERI 2 x 0 PONTE PRETABarueri: Renê; Marcos Pimentel, Ávalos (Renato Santos), Duílio e Márcio Careca; Diego, Flávio, Max Carrasco e Guaru; Pedrão (Fernando) e Alberto (Thiago Humberto). Técnico: Márcio Araújo.Ponte Preta: Aranha; Eduardo Arroz, César, Jean e Vicente; Deda, Bilica, Giuliano (Ricardo Conceição) e Renato; Marcelo Soares (Wanderley) e Danilo Neco (Luís Ricardo). Técnico: Sérgio Guedes.Gols: Diego, aos 7, e Pedrão, aos 30 minutos do 2.º tempo. Árbitro: Anselmo da CostaRenda: R$ 142.655,00Público: 10.679 pagantes Cartões amarelos: Bilica, Deda, Flávio, Marcos Pimentel e Duílio Cartão vermelho: Bilica Local: Estádio Arena Barueri, em Barueri (SP)

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.