EFE/LINDSEY PARNABY
EFE/LINDSEY PARNABY

Com um a menos, campeão Chelsea leva 3 a 0 do West Bromwich

Partida fica marca por expulsão 'bizarra' do espanhol Fàbregas

Estadão Conteúdo

18 de maio de 2015 | 18h10

O Chelsea ainda não venceu desde que sacramentou o título do Campeonato Inglês, no início do mês. Nesta segunda-feira, no encerramento da 37ª e penúltima rodada, o time do técnico José Mourinho foi surpreendido pelo West Bromwich ao ser derrotado pelo inesperado placar de 3 a 0, fora de casa. O revés acabou com a invencibilidade de 16 jogos dos visitantes na competição.

O campeão inglês jogou a maior parte da partida com um jogador a menos por causa da expulsão boba de Cesc Fàbregas aos 29 minutos do primeiro tempo. O meia levou o vermelho ao acertar a bola na cabeça de um adversário, sem maior perigo, quando a partida estava paralisada. Naquele momento, o jogador do West Bromwich estava de costas, conversando com o árbitro.

O chute inusitado de Fàbregas esquentou os ânimos e quase gerou uma briga entre jogadores dos dois times. Só não atrapalhou o andamento da partida porque o juiz agiu rápido e mostrou o vermelho para o meia do Chelsea.

Quando ele deixou o gramado, o West Bromwich já vencia a partida. Saido Berahino abrira o placar aos 8 minutos, ao acertar belo chute de fora da área. No segundo tempo, o mesmo Berahino sofreu falta de John Terry dentro da área no primeiro minuto da etapa. Ele foi para a cobrança e aumentou a vantagem dos anfitriões.

Aos 15 minutos, Chris Brunt ampliou o placar e selou a vitória do West Bromwich com uma forte finalização do bico da área. O goleiro Thibaut Courtois alcançou a bola, mas não pôde evitar o gol.

Foi o segundo tropeço do Chelsea desde a conquista do título, contra o Crystal Palace, no dia 3 de maio. Na rodada seguinte, o time londrino empatou com o Liverpool por 1 a 1. Apesar da derrota desta segunda, o Chelsea segue com grande vantagem na primeira colocação. Tem 84 pontos, contra 76 do Manchester City. O West Bromwich, com 44 pontos e na 13ª posição, não tem maiores ambições no campeonato.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.