Reprodução/Twitter/Bragantino
Reprodução/Twitter/Bragantino

Com um pé na Série A, Bragantino bate Vila Nova e amplia vantagem na ponta

Líder leva susto, mas derrota equipe goiana de virada por 3 a 1, em Bragança Paulista

Redação, Estadão Conteúdo

25 de outubro de 2019 | 23h46

O Bragantino está cada vez mais próximo da Série A. Nesta sexta-feira, o time de Bragança Paulista fez valer mais uma vez o fator casa para fazer mais uma vítima. De virada, derrotou o Vila Nova por 3 a 1, pela 31ª rodada da Série B, no estádio Nabi Abi Chedid.

O resultado leva o Bragantino aos 62 pontos, seis a mais do que o vice-líder Sport. Com só mais sete jogos pela frente, a vantagem em relação ao quinto colocado América-MG já é de 14 pontos e resta pouco para que o acesso seja uma garantia matemática.

Na outra ponta da tabela, o Vila Nova briga contra o rebaixamento e ocupa a 18ª colocação com 31 pontos. São Bento, com 27, Criciúma, com 29, e Figueirense, também com 31, completam a zona da degola. O Vitória, com 33, é o primeiro time do lado de fora esta lista.

Nesta sexta, o jogo começou justamente como se imaginava: com o Bragantino pressionando um fechado Vila Nova. No entanto, o time visitante surpreendeu e abriu o placar aos 23 minutos.

Depois de ser salvo algumas vezes por belas defesas de Rafael Santos, o Vila Nova chegou ao gol através de cobrança de falta de Ramon. A bola ainda desviou em Ligger para enganar o goleiro Júlio César e morrer no fundo do gol.

A pressão do Bragantino continuou até que, aos 35 minutos, Morato empatou a partida. Aderlan tabelou com o atacante, que bateu forte e estufou as redes adversárias. A virada saiu ainda na primeira etapa, e em grande estilo. Aos 47, Claudinho pegou a sobra na entrada da área, dominou e encheu o pé para marcar um golaço.

A segunda etapa foi mais tranquila para o time da casa, que ainda ampliou aos 29 minutos. Vitinho cobrou escanteio na primeira trave e Ytalo desviou de cabeça para o fundo do gol, definindo o placar.

O Vila Nova volta a campo na próxima terça-feira, quando recebe o Brasil de Pelotas no Serra Dourada, em Goiânia (GO), pela 32ª rodada. Na sexta-feira, o Bragantino vai à Arena Pantanal para enfrentar o Cuiabá.

FICHA TÉCNICA:

BRAGANTINO 3 x 1 VILA NOVA

BRAGANTINO - Júlio César; Aderlan, Léo Ortiz, Ligger e Edimar; Pedro Naressi, Uilian Correia e Claudinho (Vitinho); Morato (Thiago Ribeiro), Wesley (Bruno Tubarão) e Ytalo. Técnico: Antônio Carlos Zago.

VILA NOVA - Rafael Santos; Felipe Rodrigues, Patrick, Wesley Matos e Romário; Tinga (Diego Rosa), Magno e Ramon; Benítez (Robinho), Erick e Gustavo Henrique (Carlinhos). Técnico: Rafael Toledo.

GOLS - Ramon, aos 23, Morato, aos 35, e Claudinho, aos 47 minutos do primeiro tempo. Ytalo, aos 29 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Emerson de Almeida Ferreira (MG).

CARTÕES AMARELOS - Ligger e Aderlan (Bragantino); Felipe Rodrigues, Carlinhos e Romário (Vila Nova).

RENDA - R$ 39.295,00.

PÚBLICO - 5.812 pagantes.

LOCAL - Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.