?Comemoração? escandaliza espanhóis

A Federação Espanhola de Futebol promete abrir um processo disciplinar contra o jogador Gallardo, do Sevilha, por comemorar de forma considerada ?extravagante? um dos gols da vitória de seu time por 4 a 0 sobre o Valladolid. Ao comemorar o gol, o jogador se ajoelhou e mordeu o pênis de seu colega Reys. O gesto passou desapercebido pelos torcedores no estádio, mas foi captado pelas imagens da TV. ?Ninguém se deu conta disso no estádio?, disse o jogador. ?Estou seguro que não ofendi ninguém. Foi uma atitude de momento, que achei que não teria a menor importância. Tanto que fiquei muito surpreso hoje de manhã, quando vi o noticiário?, acrescentou o jogador. Gallardo disse ainda que ao final da partida já havia esquecido a comemoração e, por causa disso, não acha que deva ser punido. ?Seria uma pena receber algum tipo de castigo por uma situação tão sem importância?. disse o jogador, de 20 anos. O zagueiro poderá ser julgado pelo que a legislação espanhola qualifica como sendo contra a ?dignidade esportiva e o decoro".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.