Confederação Asiática descarta punir estrela da Arábia por briga com torcida

A Confederação Asiática de Futebol (AFC, na sigla em inglês) afirmou nesta quinta-feira que a Arábia Saudita é quem deve decidir se adota alguma punição disciplinar contra Nasser Al-Shamrani, que recentemente entrou em conflito com alguns torcedores em um amistoso de preparação para a Copa da Ásia.

Estadão Conteúdo

01 de janeiro de 2015 | 13h50

Um vídeo mostra Al-Shamrani, recentemente eleito o melhor jogador asiático do ano, empurrando um torcedor que estava debruçado sobre o túnel que dá acesso aos vestiários e ao campo em Geelong, na Austrália, antes do amistoso em que a Arábia Saudita perdeu por 4 a 1 para o Bahrein. Al-Shamrani também gritou com os espectadores antes de ser acalmado por seus companheiros de equipe.

A AFC declarou nesta quinta-feira que o incidente está fora de seu controle e se trata de um assunto para os dirigentes do futebol da Arábia Saudita.

Al-Shamran foi recentemente suspenso por oito partidas após cuspir e dar uma cabeçada em Matthew Spiranovic, jogador do Western Sydney Wanderers, durante a decisão da Liga dos Campeões da Ásia. Porém, ele está livre para jogar pela sua seleção, pois a punição é válida apenas para o torneio continental de clubes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.