Daniel Teixeira/Estadão
Daniel Teixeira/Estadão

Confiante, Márcio Araújo minimiza críticas no Palmeiras

Volante entende que empate com o São Paulo ficou de bom tamanho, apesar de seu time ter um jogador a mais no segundo tempo

DANIEL BATISTA, Agência Estado

11 de março de 2013 | 17h56

SÃO PAULO - Com lugar cada vez mais consolidado no time do Palmeiras, Márcio Araújo diz não se abalar com as constantes críticas da torcida. Confiante, o volante afirma estar feliz por ter conquistado espaço com Gilson Kleina e por atuar em sua posição de origem. "Ver a torcida falando mal de mim não vai me abalar. Claro que futebol tem vaidade e todo jogador quer ouvir a torcida falar bem de você, mas isso não é algo que me preocupa agora", afirma Márcio Araújo, que conquistou a confiança do treinador nos últimos jogos, após ser preterido no fim do ano passado.

Márcio Araújo atribui a boa fase ao fato de jogar na posição que mais gosta, dando proteção aos zagueiros. "Tenho jogado mais na minha posição e tendo liberdade para atacar", diz, sem negar uma eventual mudança de posição, em caso de necessidade. "Nunca vou me negar a me sacrificar para o Palmeiras".

Após disputar o clássico de domingo, com o São Paulo, Márcio Araújo fez apenas trabalho físico na Academia nesta segunda-feira Os reservas fizeram um jogo-treino contra os reservas do Palmeiras B. A atividade contou com o zagueiro André Luiz, apresentado na sexta-feira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.