Divulgação/Gremio.net
Divulgação/Gremio.net

Conheça Phelipe, surpresa na convocação da seleção brasileira

Goleiro de 19 anos é a nova aposta de Tite e foi chamado para os amistosos contra Arábia Saudita e Argentina

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

21 de setembro de 2018 | 18h24

O técnico Tite anunciou nesta sexta-feira a lista dos convocados para a seleção brasileira para os amistosos contra a Arábia Saudita e Argentina, dias 12 e 16 de outubro, respectivamente, tendo como uma das novidades, a presença do goleiro Phelipe, de 19 anos, na lista de 23 atletas. O jogador faz parte do time sub-20 do Grêmio

Natural de Campinas, Phelipe Megiolaro Alves nasceu no dia 8 de fevereiro e iniciou sua carreira no Grêmio, onde chegou em 2013. Constantemente convocado para seleções brasileiras de base, o garoto faz parte do time de transição do Grêmio, uma espécie de time B.

O curioso é que Phelipe não é o titular da equipe. O posto é ocupado por Brenno, também de 19 anos e que foi, inclusive, inscrito pelo Grêmio para a disputa da Copa Libertadores. O goleiro convocado por Tite fez apenas um jogo nos últimos meses. Ele foi o titular na vitória por 2 a 1 sobre a Chapecoense, pelo Brasileiro Sub-20. 

No Grêmio, destacam a personalidade e a qualidade para jogar com os pés do goleiro como pontos fortes dele. Titular do time profissional, Marcelo Grohe parabenizou o companheiro e disse que a convocação fortalece a base gremista.

"Fiquei  muito feliz. Isto valoriza a escola de goleiros do Grêmio, a base do clube e os profissionais que trabalham neste setor. Ele já trabalhou conosco e mostrou que é um grande goleiro, com muito potencial. Tem que parabenizar o Phelipe e todos que atuam com ele pois fortalece a nossa escola", comentou.

A ideia ao convocar Phelipe é promover uma interação maior entre a seleção principal e a base. Para os amistosos contra Estados Unidos e El Salvador, Tite convocou o goleiro Hugo, do sub-20 do Flamengo. 

 

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.