Divulgação
Divulgação

Conmebol acerta direitos de TV para Libertadores e Sul-Americana em 2019

Entidade confirma como principal novidade a transmissão de jogos por streaming

O Estado de S.Paulo

14 de dezembro de 2018 | 15h46

A Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) divulgou nesta sexta-feira que acertou, para os próximos quatro anos, o pacote de direitos de transmissão de TV dos jogos da Copa Libertadores e da Copa Sul-Americana. A DAZN, empresa de serviços de streaming de vídeo por assinatura, e o Facebook são as grandes novidades do novo ciclo que vai de 2019 a 2022.

"Esse processo de licitação e premiação marca um novo marco na história do nosso futebol. A partir de 2019, todos os sul-americanos terão mais formas de assistir ao futebol. Teremos futebol em todos os lugares", disse o presidente da Conmebol, o paraguaio Alejandro Dominguez.

"A Conmebol oferta publicamente direitos de transmissão, cumprindo o compromisso de transparência e regras claras de minha administração. Este evento histórico vai oferecer uma experiência uniforme a um número maior de fãs em toda a América do Sul e vai otimizar os recursos que receberá o futebol sul-americano", completou o dirigente.

Após um processo de licitação aberto e que recebeu várias ofertas, a Conmebol oficializou os canais que transmitirão a Libertadores nos próximos quatro anos. No Brasil, a Rede Globo terá direito a um jogo por semana nas terças ou nas quartas, além da final única - que em 2019 será em Santiago, no Chile -, que será dividida com o SporTV. Na TV a cabo, FOX Sports e SporTV continuarão sendo as emissoras oficiais da competição.

A grande novidade na Libertadores fica por conta do Facebook, que passará em seu site todos os jogos que serão realizados às quintas-feiras.

Já na Copa Sul-Americana, nenhuma TV aberta ou a cabo transmitirá a competição. Em outra novidade anunciada pela Conmebol, os jogos serão exclusivos da DAZN, que acrescenta o torneio à grade que já tem partidas da Juventus, do craque português Cristiano Ronaldo, e Paris Saint-Germain, do brasileiro Neymar.

A Libertadores de 2019 terá a participação de oito clubes brasileiros. São eles: Cruzeiro, Palmeiras, Flamengo, Internacional, Grêmio, São Paulo, Atlético-MG e Atlético-PR. Já a Copa Sul-Americana contará com Corinthians, Santos, Bahia, Botafogo, Chapecoense e Fluminense.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.