Dolores Ochoa/AP
Dolores Ochoa/AP

Conmebol autoriza clubes a mudarem seis inscritos para oitavas da Libertadores

Mudança teria sido motivada pela suspensão por doping de pelo menos dois jogadores do River Plate

Estadão Conteúdo

22 de junho de 2017 | 21h30

A Conmebol anunciou nesta quinta-feira uma alteração no regulamento para as oitavas de final da Libertadores deste ano. Sem maiores explicações, a entidade decidiu permitir que os clubes classificados à segunda fase realizem seis substituições em suas listas de inscritos, não mais apenas três, como acontecia até a temporada passada.

"Por intermédio do presente comunicado, informamos que excepcionalmente para esta edição, foi decidido aumentar a cota de mudanças de jogadores inscritos para as oitavas de final de três para seis jogadores", explicou a Conmebol em circular divulgada em seu site.

A entidade não explicou o motivo, mas especula-se que a mudança tenha acontecido para ajudar o River Plate. Nesta quinta-feira, o clube argentino teve confirmados dois casos de doping referentes a uma partida na primeira fase da competição, contra o Emelec.

A imprensa argentina afirma, porém, que este número pode chegar a seis ou sete nomes, uma vez que o doping seria proveniente de um produto energético comumente ingeridos pelos atletas do River. Estes jogadores serão suspensos preventivamente, o que poderia gerar um grande prejuízo ao clube na competição.

A mudança também pode auxiliar os clubes brasileiros ainda vivos na competição: Atlético-MG, Atlético-PR, Botafogo, Palmeiras e Santos. Para o time alviverde, ela pode ser fundamental, já que a diretoria contratou quatro novos jogadores que não estão inscritos na competição - Mayke, Luan, Juninho, Bruno Henrique - e, assim, poderá utilizar todos eles se quiser.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.