Lucas Figueiredo/CBF
Lucas Figueiredo/CBF

Conmebol divulga data, local e horário dos dois jogos do Brasil nas Eliminatórias

Seleção brasileira estreia dia 9 de outubro, na Neo Química Arena, em São Paulo, contra a Bolívia

Redação, O Estado de S.Paulo

21 de setembro de 2020 | 17h55

A Conmebol divulgou, nesta segunda-feira, data, horário e local dos dois primeiros jogos da seleção brasileira nas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo do Catar em 2022. A equipe do técnico Tite estreia dia 9 de outubro, na Neo Química Arena, em São Paulo, às 21h30 (horário de Brasília), contra a Bolívia, e depois joga dia 13, contra o Peru, em Lima, às 21h15.

Os jogadores deverão se apresentar ao técnico Tite no dia 5 para o início de concentração e treinamentos. O grupo será liberado para seus clubes em 13 de outubro, logo após o segundo jogo. Como o Campeonato Brasileiro não vai parar, ao contrário das competições internacionais, os times nacionais que cederem jogadores para a seleção brasileira ou outra seleção sul-americana terão desfalques por duas ou três rodadas.

Algumas confederações chegaram a pedir um novo adiamento do início das Eliminatórias para novembro durante reunião com a Conmebol, mas não foram atendidas. Os jogos deveriam ter começado em março, mas foram adiados por causa da pandemia do novo coronavírus.

Sem o adiamento, ficou acertado que no dia 8 de outubro (quinta-feira) jogam: Paraguai x Peru (Assunção, 19h30), Uruguai x Chile (Montevidéu, 19h45) e Argentina x Equador (Buenos Aires, 21h10). No dia 9 (sexta-feira), além do jogo do Brasil, teremos Colômbia e Venezuela (Barranquilla, 18h30).

Dia 13 (terça-feira), será rodada cheia, contando com Peru x Brasil. Jogam: Bolívia x Argentina (La Paz, 16h), Equador x Uruguai (Quito, 16h), Venezuela x Paraguai (Merida, 18h) e Chile x Colômbia (Santiago, 20h).

O retrospecto dos confrontos é muito favorável à seleção brasileira contra Bolívia e Peru. Contra os bolivianos, são 21 vitórias, quatro empates e apenas cinco derrotas, com 99 gols marcados e 25 sofridos. Diante dos peruanos, são 32 vitórias, nove empates e também cinco derrotas, com 91 gols a favor e 31 contra.

As dez seleções do continente vão se enfrentar em duelos de ida e volta. Após 18 rodadas, as quatro primeiras se classificam para o Mundial e a quinta disputa uma vaga na repescagem, contra rival ainda a ser definido.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.