Conmebol garante: Marcinho pode jogar

Algumas horas antes da partida decisiva contra o São Paulo, pelas oitavas-de-final da Copa Libertadores da América, o técnico Paulo Bonamigo e a torcida do Palmeiras receberam uma ótima notícia. Em entrevista ao programa Redação Sportv, no início da manhã desta quarta-feira, o membro da Comissão Técnica da Conmebol, Hildo Nejar, garantiu que o meia Marcinho tem condições legais de jogo.?Por volta da 1 hora da madrugada (desta quarta) eu falei com o secretário-geral da Conmebol, Eduardo De Luca e ele me garantiu que o jogador tem todas as condições de participar da partida. De acordo com ele, a pena de suspensão só deve ser cumprida na mesma competição. Como ele foi expulso em jogo da Sul-Americana, deverá cumprir na Sul-Americana?, afirmou o dirigente.O Palmeiras corria o risco de ficar sem o meia-atacante, porque Marcinho foi expulso quando ainda defendia o São Caetano, na última edição da Copa Sul-Americana. Marcinho recebeu o cartão vermelho no jogo do dia 22 de setembro do ano passado, quando o São Caetano foi eliminado pelo São Paulo. Foi, portanto, a sua última participação num torneio da Conmebol, entidade que também organiza a Libertadores.Havia a interpretação de que o jogador deveria cumprir a suspensão na Libertadores, já que não estava mais participando da Sul-America.A liberação de Marcinho trouxe um enorme alívio à diretoria do Palmeiras, afinal, o jogador foi a contratação mais cara do clube nos últimos anos. O alviverde pagou US$ 2,5 milhões por 50% do passe e Marcinho se transformou no principal reforço do time para a Libertadores. OFICIAL: O clube espera agora uma notificação oficial da Conmebol sobre o assunto. O assessor da presidência do Palmeiras, Antonio Carlos Corcione, disse ter sido informado que a documentação está a caminho e deverá chegar ao clube nas próximas horas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.