Sérgio Neves/AE - 9/1/2010
Sérgio Neves/AE - 9/1/2010

Conmebol reduz punição de Andre Luis, do São Paulo

Zagueiro, que perderia toda a primeira fase da Copa Libertadores, agora só cumprirá suspensão em três jogos

AE, Agencia Estado

08 de fevereiro de 2010 | 16h48

A Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) reduziu a pena do zagueiro Andre Luis, do São Paulo, nesta segunda-feira. O defensor, que estava fora da primeira fase da Copa Libertadores, agora só cumprirá suspensão nos três primeiros jogos da fase de grupos.

Veja também:

linkDagoberto desfalca São Paulo na estreia da Libertadores

Com a decisão, Andre Luis poderá estrear na Libertadores no dia 18 de março, na partida contra o Nacional, do Paraguai, no Morumbi. O zagueiro ficará de fora dos jogos contra Monterrey, nesta quarta, Once Caldas, no dia 25, e Nacional, no dia 11 de março.

Para poder reduzir a punição ao jogador do São Paulo, a Conmebol estipulou uma multa, cujo valor não foi divulgado. A troca, da redução dos jogos pela multa, foi sugerida pela diretoria do São Paulo.

"Fizemos um requerimento para a Conmebol pedindo que eles avaliassem a possibilidade de reduzir a pena do Andre, convertendo em pena pecuniária. Embora não houvesse um histórico deste tipo de conversão de pena, nosso pedido foi acolhido", explicou o advogado do clube, Roberto Armelin.

Nos três primeiros jogos da Libertadores, o técnico Ricardo Gomes terá a sua disposição somente três zagueiros: Xandão, Renato Silva e Miranda. Alex Silva ainda se recupera de lesão e não tem data para reestrear no São Paulo.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCopa LibertadoresAndre Luis

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.