Conmebol sorteia grupos da Libertadores 2004

As equipes brasileiras terão boa oportunidade de superar a primeira fase da Taça Libertadores da América de 2004. O sorteio realizado nesta quarta-feira à noite, na sede da Confederação Sul-Americana de Futebol, em Assunção, no Paraguai, apontou poucos rivais tradicionais para São Caetano, Cruzeiro, São Paulo, Santos e Coritiba, que ficarão em grupos distintos. Pelo menos conseguiram livrar-se do Boca Juniors, atual campeão regional e mundial, que ficou no Grupo 8. As 36 equipes foram divididas em nove grupos. Alguns países, como México, Uruguai e Colômbia, ainda devem apontar seus representantes. Com o inchaço da competição, Brasil e Argentina foram beneficiados, pois tiveram o direito de entrar com cinco concorrentes. O São Caetano ficou na série 1, com México 2, The Strongest e Peñarol, o mais famoso de todos, mas que há muito tempo está em crise. O Cruzeiro, no Grupo 3, pegará o primeiro time do México (a ser definido ainda), Universidad de Concepción e Caracas. Ao São Paulo, no 4, tocará enfrentar Liga Deportiva Universitária, Cobreloa (já disputou até final) e Alianza Lima. O Santos pega Barcelona (Equador), Guarani e Jorge Wilsterman e não deve ter problemas para seguir em frente. O Coritiba é aquele que teoricamente terá mais trabalho, porque joga com Olimpia (que já venceu três vezes a Libertadores), Rosario e Sporting Cristal. A primeira fase será disputada entre os dias 4 de fevereiro e 30 de abril. Os vencedores de cada chave mais os sete melhores segundos colocados passam para as oitavas-de-final, que ficam para 5 a 12 de maio. As quartas-de-final serão entre 19 e 26 de maio; as semifinais serão jogadas em 9 e 16 de junho. A decisão ocorre nos dias 23 e 30 de junho. Logo em seguida, começa a Copa América. Confira a distribuição dos 36 times nos nove grupos: Grupo 1: São Caetano, Peñarol (URU), segundo representante do México e The Strongest (BOL); Grupo 2: Vélez Sarsfield (ARG), Once Caldas (COL), terceiro representante do Uruguai e Unión Maracaibo (VEN); Grupo 3: Cruzeiro, primeiro representante do México, Universidade Concepción (CHI) e Deportivo Caracas (VEN); Grupo 4: São Paulo, Liga Deportivo Universitaria de Quito (EQU), Cobreloa (CHI) e Alianza Lima (PER); Grupo 5: Independiente (ARG), El Nacional (EQU), Nacional (URU) e terceiro representante do Peru; Grupo 6: River Plate (ARG), segundo representante da Colômbia, Libertad (PAR) e Deportivo Tachira (VEN); Grupo 7: Santos, Barcelona (EQU), Guarani (PAR) e Wilstermann (BOL); Grupo 8: Boca Juniors (ARG), terceiro representante da Colômbia, Colo Colo (CHI) e Bolívar (BOL); Grupo 9: Coritiba, Rosario Central (ARG), Olimpia (PAR) e Sporting Cristal (PER).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.