JF Diorio|Estadao
JF Diorio|Estadao

Conselheiros insistem em Muricy Ramalho de volta ao São Paulo

Grupo quer aproveitar a tensão após a derrota no clássico para levantar o nome do ex-treinador como solução para o time

Matheus Lara, O Estado de S.Paulo

29 de agosto de 2017 | 11h00

Um grupo de conselheiros do São Paulo vai intenficar nesta semana a pressão para que a diretoria tricolor contrate Muricy Ramalho como coordenador de futebol do clube. A intenção é aproveitar o momento de tensão após a derrota no clássico para levantar o nome do ex-treinador como possível solução para os problemas do time.

A proposta tem apoio de alguns membros da diretoria do São Paulo, mas está longe de ser unanimidade, uma vez que membros da comissão técnica de Dorival Junior não estariam de acordo com a ideia de contratar um coordenador de futebol - algo que poderia causar conflitos em relação às decisões dentro de campo.

Sondado, Muricy descartou retornar ao clube como técnico, mas não negou a possibilidade de ajudar o São Paulo em outra função. "Poderia ajudar de outra forma, como treinador não. Até porque o problema do São Paulo não é o treinador. O Dorival já mostrou várias vezes que é um grande treinador. Acontece que são vários problemas", disse, à Rádio Bandeirantes.

Para ele, a reformulação do elenco no meio da temporada é um dos principais fatores que intensificaram a má fase do time. "O São Paulo teve que vender vários jogadores. Em uma competição tão dura como o Brasileiro, essa troca não perdoa porque o time tem que se entrosar", avaliou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.