Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Conselheiros se unem contra Citadini

?Estou sabendo. Estou sabendo.? Foi assim, seco, que o vice-presidente Antônio Roque Citadini, reagiu ao jantar marcado para ontem em repúdio à sua administração no futebol do Corinthians. Cerca de 80 conselheiros combinaram de se reunir e começar a planejar como impedir que ele seja presidente do clube em 2006.Citadini sabe que deverá ser indicado pelo presidente Alberto Dualib para que concorra à eleição como situação. Em longas conversas entre os dois, Citadini tem se aprofundado nos problemas gerais do clube. E é esse o principal pecado, segundo os conselheiros que trabalham contra ele. A acusação é que o vice-presidente, que manda no futebol, tem pouquíssimo tempo para se dedicar ao time. Precisa trabalhar politicamente e também ?bater cartão? no Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, onde é conselheiro.A exemplo do que ocorre no São Paulo, o grande problema da oposição é achar um nome forte que possa frente à ala de Dualib. Atualmente, qualquer pessoa que o presidente indicar será eleito. Citadini ou o sorveteiro que fica na frente do Parque São Jorge. Na prática, daria no mesmo.Além do lado político, o futebol ainda teve espaço para outro capítulo da crise entre Oswaldo de Oliveira e o seu capitão, Rincón.?O Rincón é um jogador de temperamento forte e que não se omite. Só que quem manda no time sou eu. Achei que estava cansado e o tirei. Se precisar fazer isso de novo, vou fazer?, garantiu o treinador.?Como é que uma pessoa pode sentir cansaço pela outra? Explodi porque foi a terceira vez que saí (contra Ponte, Grêmio e Atlético). Mas aprendi. Serei mais brasileiro e menos colombiano. Vou ficar mais ?na minha? e parar de dar a cara para bater porque não resolve. Na Colômbia os jogadores são mais sinceros.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.