Ivan Storti / Santos FC
Ivan Storti / Santos FC

Conselho do Santos convoca reunião para votar impeachment de presidente

Futuro de José Carlos Peres será decidido na segunda-feira

Estadão Conteúdo

04 Setembro 2018 | 16h26

O Conselho Deliberativo do Santos publicou nesta terça-feira edital convocando os conselheiros para reunião extraordinária no próximo dia 10, segunda-feira. O encontro pretende votar dois processos de impeachment contra o presidente José Carlos Peres.

A nota foi publicada no site do clube e assinada pelo presidente do Conselho, Marcelo Teixeira. A primeira convocação acontecerá às 19h30, na Vila Belmiro. A ordem do dia prevê a apreciação, discussão e votação dos pareceres da Comissão de Inquérito e Sindicância (CIS) sobre os processos 08/18-CI e 09/18-CI.

Os dois processos pedem o impeachment de Peres por infringir o estatuto social do clube. Uma das denúncias foi feita pelo conselheiro Alexandre Santos e Silva

e aponta que o mandatário seria sócio de duas empresas quando assumiu o cargo. A outra é do conselheiro Esmeraldo Tarquínio Neto e acusa Peres de ser sócio de pessoa jurídica em empresa que agenciava e negociava atletas.

Peres nega as acusações e tenta na Justiça liminar para travar o processo de impeachment. O presidente havia conseguido uma liminar em 9 de agosto, mas foi derrubada. A nova tentativa alega que ele foi impedido de anexar novas provas para sua defesa.

Caso Peres não consiga nova liminar, o Conselho Deliberativo votará os processos. Para que o impeachment ocorra são necessários dois terços dos votos dos conselheiros aptos a votar e presentes no dia da votação. Caso o número seja atingido, uma assembleia dos sócios será convocada para votar a saída do presidente, que poderá deixar o cargo por maioria simples.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.