Massimo Pinca/Reuters
Massimo Pinca/Reuters

Conte crava a saída de Icardi da Inter de Milão: 'Não faz parte dos planos'

Treinador afirma que atacante não ficará no clube e anuncia a busca por reforços

Redação, Estadão Conteúdo

19 de julho de 2019 | 13h15

Em busca de melhores resultados na próxima temporada, a Inter de Milão pode ter mudanças drásticas em seu elenco. Com a contratação do treinador Antonio Conte, dois jogadores parecem ter perdido espaço e serão negociados nas próximas semanas. São os casos do centroavante argentino Mauro Icardi e o meia belga Radja Nainggolan.

Na véspera do amistoso contra o Manchester United, neste sábado, em Cingapura, pela International Champions Cup, Conte descartou por completo nesta sexta-feira a utilização e participação de Icardi na equipe. "Icardi? A situação é clara. Não forma parte do projeto da Inter. Não é fácil jogar contra equipes como o Manchester United e a Juventus sem atacantes neste início da temporada. Mas o mercado ainda está aberto e estamos avaliando os atletas que serão vendidos e contratados", disse o treinador.

Para o seu lugar, a Inter de Milão deve ir ao mercado atrás de um nome de peso e o alvo é o belga Romelu Lukaku, que está em baixa justamente no adversário deste sábado. Conte trata do assunto com certa cautela. "Eu gosto dele, mas é um nome do Manchester United. O conheço muito bem desde que ele era treinador do Chelsea. Amanhã (sábado) teremos uma partida importante. Nossa pré-temporada está indo bem, espero ver melhoras na minha equipe", afirmou.

O caso de Nainggolan, de 31 anos, é o mesmo de Icardi. Com apenas uma temporada em Milão, depois de ter sido contratado junto à Roma em um pedido do ex-treinador Luciano Spaletti, o meia belga não faz parte dos planos de Conte.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.