Conte minimiza ausência de Balotelli em lista da Itália

Conte minimiza ausência de Balotelli em lista da Itália

Treinador pediu tempo para o atacante se readaptar ao futebol inglês. Pelle, em boa fase no Southampton, é a grande novidade

Estadão Conteúdo

06 de outubro de 2014 | 12h17

O técnico da seleção da Itália, Antonio Conte, minimizou nesta segunda-feira a sua decisão de deixar Mario Balotelli fora da equipe e não convocá-lo para os dois próximos compromissos dos italianos nas Eliminatórias da Eurocopa de 2016. Ele lembrou que o atacante passa por um momento de transição, pois acaba de trocar de clube.

Após a Copa do Mundo, Balotelli foi contratado pelo Liverpool junto ao Milan. E o jogador não fez gols nas suas cinco primeiras partidas pelo clube inglês. "Começou uma nova etapa e isso não é fácil", afirmou Conte. "É importante lhe dar tempo para que se integre a um novo campeonato", completou o treinador, que também não havia incluído o jogador na sua convocação anterior.

Se não lembrou de Balotelli, Conte apostou em Graziano Pelle, atacante do Southampton, que foi convocado pela primeira vez para defender a Itália. "Isso reflete o que venho dizendo desde o primeiro dia, representa a meritocracia", disse. "É um jogador que nos últimos dois anos fez 50 gols. Agora joga em uma liga bem mais competitiva do que a da Holanda e está ganhando protagonismo com o Southampton", completou.

A Itália estreou nas Eliminatórias da Eurocopa de 2016 com vitória por 2 a 0 sobre a Noruega, em Oslo, no dia 9 de setembro. A equipe receberá o Azerbaijão na próxima sexta-feira em Palermo. Três dias depois, o duelo vai ser com Malta, fora de casa, em Ta'' Qali.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.