Contra a França, Parreira vai igualar recordes em Copas

O técnico da seleção brasileira, Carlos Alberto Parreira, vai igualar, neste sábado, na partida entre Brasil e França, válida pelas quartas-de-final, o número de jogos de Zagallo e do sérvio Bora Milutinovic em Copas do Mundo, com 20 participações.Coincidentemente, Parreira estará ao lado de Zagallo, atual coordenador-técnico da seleção. O treinador também alcançará Milutinovic como treinador de cinco seleções diferentes em Mundiais. Parreira esteve à frente das seguintes equipes: Kuwait, na Espanha, em 1982; Emirados Árabes, na Itália, em 1990; levou o Brasil ao tetra, nos Estados Unidos, em 1994; Arábia Saudita, na França, em 1998, quando acabou demitido antes do fim da competição.E se o Brasil conquistar sua sexta Copa, Parreira igualaria a façanha do italiano Vittorio Pozzo, bicampeão mundial pela seleção de seu país em 1934 e 1938. Porém, o recorde de jogos em Copas, como técnico, seguirá em poder do alemão Helmut Schoen, com 25 participações. Com sua inseparável viseira, Schoen esteve em duas finais: em 1966, na derrota por 4 a 2 daAlemanha Ocidental para a Inglaterra, na prorrogação; e em 1974, quando venceu a Holanda por 2 a 1.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.