Contra a LDU, o time reserva do Santos

Desta vez, Vanderlei Luxemburgo não vai escalar um time misto nas quartas-de-final da Sul-Americana. No jogo de quarta-feira vai enfrentar a LDU no Equador com a equipe reserva, poupando todos os titulares para a disputa do Brasileiro. Nesta segunda-feira, ele vai decidir quem viajará, mas deve levar no máximo 14 jogadores. "Já falei com o presidente que vamos levar 14 jogadores para Quito e não tem problema ficar com um atleta a menos no banco, não tem problema algum, o importante é ter o time recuperado para o próximo jogo contra o Criciúma".O treinador disse que "o pessoal pode ficar chateado, mas é o que vou fazer", numa referência à pressão feita pela Rede Globo para que o Santos dispute a Sul-Americana com o time completo. Com o Campeonato Brasileiro embolado, a prioridade a essa competição se tornou absoluta e a ordem é não perder mais pontos. Por conta disso, Luxemburgo reuniu o grupo antes do jogo contra o Fluminense e deu uma grande bronca no elenco, principalmente pelo empate com o Flamengo.A goleada de 5 a 0 no Fluminense mostrou que o grupo reagiu bem e voltou a jogar um bom futebol. Nesta semana, os titulares ficarão em treinamento intensivo, além de realizarem um trabalho de recuperação física para as sete últimas partidas do Brasileiro.A idéia de poupar os titulares da Sul-Americana foi bem recebida pelos jogadores, pois terão oportunidade de descansar, de curtir os familiares depois de uma maratona de jogos fora de casa, provocada pela interdição da Vila Belmiro por duas partidas. Além disso, vai dar oportunidade aos reservas de mostrar serviço, uma vez que a responsabilidade pela classificação ficará por conta deles.Inicialmente, Luxemburgo queria levar para a competição continental apenas os reservas e mais alguns jovens que estão subindo para o profissional. Mas a Rede Globo pressionou e ele teve de relacionar o elenco principal. Mesmo não querendo muito, o Santos foi vencendo os adversários e chegou à nova fase, que vai exigir viagens longas para o exterior e atuação em altitudes elevadas, que desgastam muito os atletas.Robinho - Robinho voltou a dizer que seu interesse é continuar no Santos e ser campeão do Brasileiro este ano, respondendo às notícias sobre o interesse do Benfica por seu futebol. "Todo jogador quer jogar na Europa e eu não sou diferente, mas agora o meu pensamento é continuar jogando bem, melhorar a cada jogo e ser campeão brasileiro".A maior preocupação do clube na semana passada, dominada pela notícia do interesse dos portugueses por Robinho, foi impedir que isso afetasse o desempenho do jogador, que havia caído nas últimas partidas. No sábado, Robinho voltou a jogar seu ótimo futebol e foi um dos responsáveis pela goleada de 5 a 0 aplicada no Fluminense, com dois gols e ótimas assistências.Com a nota do Santos informando que não vai vender o atleta, as coisas se acalmaram e Robinho recuperou sua tranqüilidade. Tanto que pensa em voltar logo para a Seleção. "Meu objetivo é trabalhar bem para ser convocado também pela Seleção Brasileira e, chegando lá, vou procurar atuar da mesma forma que aqui no Santos".A decisão de Luxemburgo de poupar os titulares para a reta final do Brasileiro agradou ao atacante. "Nosso time está com a cabeça voltada para o Brasileiro, ele vai poupar os titulares para uma etapa de recuperação e o time que jogar vai entrar contra a LDU para vencer esse adversário". Ele admite que o time não foi bem contra o Flamengo e que se recuperou contra o Fluminense. "Agora é trabalhar bem esta semana para que o time não perca mais pontos nessa reta final e sempre se mantenha na liderança".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.