Mailson Santana/Fluminense
Mailson Santana/Fluminense

Contra Inter, Flu tenta encerrar crise no ataque e zerar risco de rebaixamento

Equipe carioca não baçança as redes adversárias desde o dia 21 de outubro, quando bateu o Atlético-MG por 1 a 0

Estadão Conteúdo

25 de novembro de 2018 | 05h54

Há seis jogos sem vencer e nem marcar gol no Brasileirão, o Fluminense vai enfrentar o Internacional, às 19 horas deste domingo, fora de casa, para tentar enterrar o risco de rebaixamento. Ao time carioca basta uma vitória em duas partidas para se manter na elite do futebol do País.

A má fase recente foi responsável por tornar o Fluminense um candidato contra o descenso. Na maior parte da competição, a equipe carioca ficou distante tanto da zona de rebaixamento quanto do G-6, grupo de times que garantem vaga na próxima edição da Copa Libertadores.

O vilão da equipe treinada por Marcelo Oliveira tem sido o ataque, que não marca pelo Brasileirão desde a vitória por 1 a 0 contra o Atlético Mineiro, no Engenhão, no dia 21 de outubro. Na ocasião, Luciano foi o responsável pelo gol do último triunfo do Fluminense no torneio.

Apesar da sequência de quatro derrotas e dois empates, o Fluminense soma 42 pontos, quatro de vantagem para a zona de rebaixamento. Desta forma, basta vencer o Inter ou o América-MG, em casa, para garantir a permanência na elite do Brasileirão. A equipe carioca ainda vai disputar nesta quarta-feira a partida de volta da semifinal da Copa Sul-Americana, no Maracanã, no Rio, contra o Atlético Paranaense, que venceu o duelo de ida por 2 a 0.

Desfalque na última rodada disputada pelo Fluminense, o goleiro Júlio César pode se ausentar de novo por causa de dores no ombro. Nesse caso, Rodolfo seria o substituto mais uma vez. Richard volta ao meio de campo titular depois de cumprir suspensão, enquanto o volante Airton e o zagueiro Ibañez seguem de fora por causa de lesões musculares.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.