Albert Gea/Reuters
Albert Gea/Reuters

Contra o Real Madrid, Neymar faz seu jogo mais importante pelo Barcelona

Neymar estreia no superclássico espanhol em seu 18.º jogo com a camisa do clube catalão

O Estado de S. Paulo

25 de outubro de 2013 | 19h27

SÃO PAULO - Será neste sábado o jogo mais importante de Neymar pelo Barcelona desde que chegou ao clube catalão, na metade do ano. Em sua 18.ª partida pelo time, o atacante brasileiro enfrentará o Real Madrid no superclássico espanhol, marcado para às 14h (de Brasília) no Camp Nou. Mas é desde o início da semana que o jogador divide a atenção da imprensa espanhola, juntamente com Lionel Messi, Cristiano Ronaldo e Gareth Bale, que também fará seu primeiro clássico.

"Neymar tem diante de si a oportunidade de reafirmar que, aos 21 anos, aspira ser um digno sucessor de Leo Messi no futuro", afirma o periódico catalão Mundo Deportivo, que vê ainda uma "motivação extra" para o atacante: calar os críticos que o têm tachado de "cai-cai". Para o Marca, o brasileiro "será encarregado de abrir a defesa do Real Madrid pelo flanco esquerdo", onde encontrará a marcação de Arbeloa, "um lateral que já mostrou suas virtudes defensivas diante de Arjen Robben e Franck Ribéry, mas que sofreu diante do amplo repertório de recursos técnicos do talentoso ex-jogador do Santos na final da Copa das Confederações".

Em Madri, o As reproduz entrevistas com os técnicos Tata Martino e Carlo Ancelotti. Questionado sobre o que espera de Neymar, o treinador do Barcelona disse que o atacante "pode jogar bem e fazer gols, só depende da sua vontade de ganhar", enquanto que o comandante do Real Madrid negou que planeja marcação especial sobre o jogador. "Teríamos que ter também uma para Messi, outra para Iniesta, para Alexis. O trabalho defensivo tem que ser feito em conjunto, como equipe", definiu Ancelotti.

NEYMAR NO BARCELONA

17 partidas

5 gols

7 assistências (foram quatro nos últimos quatro jogos no Camp Nou, uma em cada partida)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.