Montagem/Estadão
Montagem/Estadão

Contratações e saídas agitam clubes paulistas durante a Copa do Mundo

Corinthians, Palmeiras e São Paulo terão novidades em seus elencos quando voltarem ao Campeonato Brasileiro

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

29 Junho 2018 | 13h50

Enquanto a Copa do Mundo é realizada na Rússia, os clubes brasileiros se mexem para voltar com tudo ao Campeonato Brasileiro. Corinthians, Palmeiras e São Paulo, por exemplo, já contrataram e negociaram jogadores e mais novidades devem ocorrer nos próximos dias. Há muitas mudanças também no comando técnico de algumas equipes pelo Brasil. O Estado dá uma geral das principais novidades dos clubes da Série A. 

+ Confira a classificação do Campeonato Brasileiro

+ Veja a tabela da Libertadores

+ Confira tudo que está rolando na Copa do Mundo

PALMEIRAS

Como de praxe, o time alviverde é um dos que mais se movimenta no mercado, mas desta vez, não houve pacotão de reforços, pelo contrário. De novidades, foram dois retornos e uma contratação. O meia Gustavo Scarpa conseguiu, enfim, acertar a rescisão contratual com o Fluminense e retornou ao Palmeiras, com contrato de cinco anos. Outro que reaparece é o meia Vitinho, que tinha sido emprestado para o Barcelona B, mas voltou e foi reintegrado . 

O zagueiro argentino Nicolas Freire, de 24 anos, foi contratado. Ele estava no PEC Zwolle, da Holanda e chega com vínculo de um ano. Por outro lado, ocorreram algumas saídas. A principal delas foi a venda do atacante Keno para o Al Ahram Pyramids, do Egito, por US$ 10 milhões (R$ 37,8 milhões). Quem também deixa o clube é o meia Tchê Tchê, negociado com o Dínamo de Kiev, da Ucrânia, por 4,8 milhões de euros (cerca de R$ 20 milhões).

Dois garotos da base também renderam alguns milhões ao cofre alviverde. O atacante Fernando foi para o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, por 5,5 milhões de euros (cerca de R$ 24 milhões). Já o lateral-direito João Pedro, que estava emprestado ao Bahia, foi vendido para o Porto, de Portugal, por 4 milhões de euros (R$ 17,5 milhões). 

CORINTHIANS

A equipe alvinegra tem desfalques dentro e fora de campo. O volante Maycon foi confirmado pelo Shakhtar Donetsk por 6,6 milhões de euros (R$ 29,4 milhões). Quem também trocou o clube paulista pela Europa foi o lateral-direito Léo Príncipe, emprestado para o Le Havre, clube da segunda divisão da França. 

Na comissão técnica, o importante desfalque foi o preparador de goleiros Mauri Lima. Ele aceitou o convite do técnico Fábio Carille e se transferiu para o Al-Wehda, da Arábia Saudita. Quem também pode deixar o time em breve é o lateral-esquerdo Juninho Capixaba, que deve ser emprestado, já que não deve ter muito espaço. 

Um dos motivos da falta de espaço para Juninho é a contratação de Danilo Avelar. O jogador veio do Torino com contrato até junho do ano que vem e chega para disputar posição com Sidcley. O time também se reforçou no ataque. Jonathas, de 29 anos e que estava no Hannover, chega por empréstimo. 

SÃO PAULO

O time do Morumbi teve menos mudanças que Corinthians e Palmeiras, mas também terá alterações. O volante Petros foi negociado com o Al Nassr, da Arábia Saudita, por 5 milhões de euros (R$ 22,1 milhões). E o lateral-esquerdo Junior Tavares foi liberado para procurar clubes. 

A única contratação até o momento foi do meia equatoriano João Rojas, que tem 29 anos e estava no Talleres, da Argentina. Neste sábado, o clube irá lançar o novo uniforme de treino, em treinamento que será realizado no estádio do Morumbi, com a presença da torcida.

SANTOS

A única novidade no time da Vila Belmiro foi a contratação do ex-técnico Ricardo Gomes como diretor de futebol, no lugar de Gustavo Vieira de Oliveira, que deixou o clube em fevereiro. O clube negocia com vários atletas, mas ainda não acertou nenhuma contratação e nem venda de atletas.

PELO BRASIL

Os clubes cariocas promoveram mudanças em seus comandos técnicos. O Botafogo perdeu Alberto Valentim para o futebol egípcio e em seu lugar chegou Marcos Paquetá. No Fluminense, Abel Braga pediu demissão e Marcelo Oliveira foi contratado para o seu lugar. E Maurício Barbieri foi efetivado como técnico do Flamengo. 

O time rubro-negro carioca ainda se reforçou com a chegada do atacante Fernando Uribe, que estava no Toluca-MEX. O Grêmio também se reforçou no ataque e anunciou a contratação de Marinho, que estava defendendo o Changchun Yatai Football Club, da China.

Na Bahia, Guto Ferreira foi demitido após resultados ruins nas últimas rodadas do Brasileiro e a diretoria apostou em Enderson Moreira, que estava no América-MG, para o seu lugar. O clube mineiro foi atrás de Ricardo Drubscky para ocupar a lacuna. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.