Rodrigo Gazzanel / Ag. Corinthians
Rodrigo Gazzanel / Ag. Corinthians

Contratado em agosto, Sergio Díaz terá 1ª chance como titular do Corinthians

Atacante da seleção paraguaia deve começar em campo no sábado contra o Bahia

João Prata, O Estado de S.Paulo

26 Outubro 2018 | 05h00

O atacante Sergio Díaz pode iniciar o primeiro jogo como titular no Corinthians no próximo sábado, contra o Bahia, em Itaquera, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o setor ofensivo em péssima fase e alguns desfalques, o paraguaio contratado em agosto tem a chance inédita de mostrar seu futebol.

O técnico Jair Ventura testou o jogador nos treinos de quarta e quinta-feira no lugar de Jadson, que se recupera de dores na panturrilha direita. Se o camisa 10 for vetado pelo departamento médico, Pedrinho assume a função de armar as jogadas e Díaz, que é destro, atuará aberto pelos lados do campo.

O paraguaio de 20 anos tem sido convocado pela seleção do seu país, mas Jair, em seus 11 jogos no comando da equipe, não tem dado muita atenção a ele. Inicialmente, a justificativa era que Díaz havia acabado de se recuperar de uma lesão no ligamento cruzado do joelho direito e precisava de maior rimo.

A contusão aconteceu em novembro do ano passado, quando ele ainda defendia o Real Madrid B. Enquanto se recuperava do problema, o clube madrilenho optou por emprestá-lo ao Corinthians, com contrato válido até o fim de 2019. 

Díaz já está 100% fisicamente desde o início de setembro, mas até agora só teve a oportunidade de entrar em campo no segundo tempo do empate sem gols contra o América-MG, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro, em 29 de setembro. 

Da reserva, ele tem assistido aos companheiros de ataque em atuações vergonhosas, com pouca criatividade, quase nenhuma finalização a gol e um jejum de cinco jogos sem vitória no Campeonato Brasileiro - três empates e duas derrotas. Nesse período, o time marcou apenas cinco gols.

Para o duelo com o Bahia, o Corinthians não contará com os atacantes Clayson e Roger, suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Jair também não pretende utilizar Mateus Vital e Jonathas, que não foram bem nos últimos jogos. Jadson passará por exames nesta sexta-feira, mas com 35 anos é provável que fique de fora do jogo de sábado para evitar o agravamento do problema.

O Corinthians é o atual 12º colocado, com 36 pontos. A equipe vem de três empates e duas derrotas na competição. Para a partida, Jair deve escalar o time com: Cássio, Fagner, Léo Santos, Henrique e Danilo Avelar; Ralf e Douglas; Romero, Pedrinho e Sergio Diaz; Emerson Sheik.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.