Contratado para liderar, Ledesma está em baixa no Santos

Contratado para liderar, Ledesma está em baixa no Santos

Argentino teve poucas oportunidades na equipe

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

18 de novembro de 2015 | 16h07

Quando foi contratado pelo Santos, no início de setembro, o volante argentino naturalizado italiano Cristian Ledesma chegou com a missão de ser um dos líderes do elenco, recheado de garotos. Pouco mais de dois meses se passaram e até agora o experiente atleta de 33 anos ainda não mostrou a que veio e sofre com a boa fase da equipe santista.

Com o time “encaixado”, Ledesma praticamente não teve chances. Ele chegou fora de seu condicionamento físico ideal e após conseguir se recuperar, jogou apenas duas vezes com a camisa do Santos. Mesmo assim, o técnico Dorival Júnior garante que confia no jogador e que pretende lhe dar mais oportunidades em breve.

A tão esperada chance pode chegar no domingo, quando o Santos enfrenta o Coritiba, provavelmente com um time reserva ou misto, já que na quarta-feira encara o Palmeiras, pelo primeiro jogo da decisão da Copa do Brasil.

Ledesma é ídolo na Lazio onde atuou de 2006 a julho de 2015. Ele ficou treinando sozinho por dois meses, até acertar um contrato de dois anos com o time da Vila Belmiro com um salário de R$ 100 mil mensais. Além dele, Dorival conta na posição com Renato, Thiago Maia, Leandrinho, Lucas Otávio e Paulo Ricardo.

Para o jogo com o Flamengo, quinta-feira, na Vila Belmiro, dificilmente Ledesma será aproveitado. No Santos, acreditam que ele possa ser mais útil e mostre o futebol esperado só em 2016, quando terá a oportunidade de fazer a pré-temporada com o grupo e realmente conseguir ter uma melhor forma física.

Tudo o que sabemos sobre:
Santos FCFutebolLedesmaBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.