Ivan Storti / Santos FC
Ivan Storti / Santos FC

Contratado para o Santos B em 2017, Diego Pituca é o 33º atleta usado por Jair

Técnico elogia estreia do volante e comemora mais uma opção para o meio de campo do time

Estadão Conteúdo

18 de abril de 2018 | 10h39

Os minutos finais da vitória do Santos por 2 a 0 sobre o Ceará, sábado, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro, foram especiais para um jogador. Ao substituir Jean Mota aos 41 minutos do segundo tempo no Pacaembu, Diego Pituca se tornou o 33º jogador utilizado pelo técnico Jair Ventura em 2018 e realizou um sonho que vinha sendo acalentado há cerca de um ano.

+ Santos afasta coordenador da base após denúncia de abuso sexual

+ No Santos, Dodô vê evolução do futebol brasileiro e explica estilo descontraído

Contratado junto ao Botafogo de Ribeirão Preto em junho de 2017, Diego Pituca foi aproveitado inicialmente no time B do Santos no ano passado, sendo a maior parte do tempo titular da equipe que foi finalista do Campeonato Brasileiro de Aspirantes e parou nas quartas de final da Copa Paulista.

E no último sábado enfim surgiu a chance para o meio-campista de 25 anos no time principal. "Temos bastantes campeonatos pela frente e o professor Jair vai dar oportunidade para todo mundo. Tive a minha neste último jogo, já pude mostrar um pouco do meu trabalho. Mas espero ter mais oportunidades. Vou esperar minha chance", afirmou Diego Pituca, ao site oficial do Santos.

O volante recebeu elogios de Jair Ventura, que apontou ter ganho mais uma opção para a sequência da temporada no Santos. "Ele entrou bem, pôde tirar o peso da estreia e com certeza está muito feliz. O Santos ganhou mais um jogador", comentou o treinador em entrevista coletiva.

Diego Pituca recordou a sua trajetória pelo Santos, apontando que o desempenho no time B foi fundamental para que ele conquistasse seu espaço no elenco principal. "Quando cheguei no time B, sabia que o sonho estava mais perto, mas também sabia que tinha que me destacar para que pudesse ter uma chance no time de cima. Graças a Deus fui bem no B e hoje estou aqui", contou o meio-campista, que também foi incluído por Jair na lista de inscritos do Santos para a disputa da Copa Libertadores.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.