Contratado pelo Ceará, Belletti anuncia aposentadoria

Recém-contratado pelo Ceará, o meia Belletti surpreendeu nesta segunda-feira e anunciou sua aposentadoria, aos 35 anos. O ex-jogador da seleção brasileira, campeão mundial em 2002, alegou problemas físicos para abandonar os gramados.

AE, Agência Estado

27 de junho de 2011 | 18h48

"Comunico que estou encerrando hoje minha carreira como jogador de futebol profissional por problemas físicos. Por mais que eu queira seguir, o corpo não permite. O entusiasmo, a força de vontade e a superação não conseguem ser mais fortes do que as dores. Fui vencido pelo próprio corpo. Mais especificamente, pelos tendões de Aquiles", anunciou o agora ex-jogador, em nota.

Longe de sua melhor condição física, Belletti pediu desculpas à torcida do Ceará pela decisão repentina, após ser anunciado pelo clube no dia 15. "Peço desculpas ao Ceara e seus torcedores por não poder cumprir o contrato. E agradecer a diretoria do clube pela oportunidade. Um clube que vem crescendo, e muito, dentro do cenário esportivo nacional".

Belletti explicou que decidiu parar agora porque não conseguiria jogar em nível competitivo e brigar por títulos. "Não quero estar em campo somente competindo. Cresci ganhando, vencendo. São 22 títulos na carreira nos 16 anos de profissionalismo", disse o ex-lateral, que atuou como meia em suas últimas temporadas.

O jogador teve passagens por Cruzeiro, Atlético-MG, São Paulo, Fluminense, Villarreal e Barcelona, da Espanha, e Chelsea, da Inglaterra. Sua última partida oficial aconteceu no dia 3 de novembro do ano passado, contra o Internacional, quando ainda defendia o Fluminense. Ao todo, Belletti marcou 46 gols e acumulou 58 convocações para a seleção brasileira.

Apesar da aposentadoria, o ex-lateral afirmou que pretende seguir trabalhando com futebol, como auxiliar técnico ou até comentarista esportivo. "Futebol é minha paixão. Seguirei nele".

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCearáBellettiaposentadoria

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.