Contratos impedem Oswaldo escalar Flu

O técnico do Fluminense, Oswaldo de Oliveira, pode ter problemas para escalar a defesa da equipe para a estréia no torneio Rio-São Paulo, no dia 20, contra o Corinthians. Do elenco considerado titular, apenas o goleiro Murilo e o zagueiro Régis renovaram contrato, porém, o segundo sente dores musculares e passou a ser dúvida para a partida. O lateral-direito Flávio, o lateral-esquerdo Paulo César e o zagueiro César ainda não renovaram. Além disso, o zagueiro André Luís voltou para o Santos.Se essa situação continuar, o treinador terá que escalar o zagueiro Maurício, que veio do Bahia e ainda não teve chances no time titular, e os atletas do time eliminado da Copa São Paulo de Juniores: os laterais Júnior César e Jean Carlos, e o zagueiro Zé Carlos.A comissão técnica do Tricolor decidiu continuar em Xerém até a estréia no Rio-São Paulo. O clube não encontrou outro local para realizar os treinos e achou que daria muito trabalho fazer a transferência de todo o material esportivo.

Agencia Estado,

11 de janeiro de 2002 | 19h29

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.