Contusão de André abre vaga no ataque do Atlético-MG

Como André, contundido (tem uma entorse no tornozelo), ainda é dúvida, e Guilherme, suspenso, não vai poder pegar o Bahia, domingo, em Sete Lagoas, uma vaga está aberta no ataque do Atlético-MG. Dois jogadores a disputam: Jonatas Obina e Magno Alves. Se o ex-santista realmente não tiver condições de jogo, um dos dois terá nova chance como titular.

AE, Agência Estado

09 de setembro de 2011 | 18h08

A primeira opção de Cuca parece ser por Magno Alves, que treinou como titular nesta sexta-feira. Jonatas Obina também se coloca à disposição para ajudar. "A gente sempre torce para o bem de quem entra, então, venho apoiando os companheiros que estão jogando. Infelizmente, o André teve essa lesão e o Guilherme está suspenso. Fico no aguado, não tem nada certo, mas, com certeza, se o professor Cuca precisar de mim, vou entrar e dar o máximo para ajudar a equipe", disse o atacante.

O jogo de domingo vale a saída da zona de rebaixamento para o Atlético-MG, que ultrapassaria os baianos e deixariam estes entre os quatro últimos. Jonatas Obina espera um adversário fechado na Arena do Jacaré. "Eles vão tentar buscar empate ou até mesmo a vitória nos contra-ataques, então, a gente tem que ter tranquilidade nisso."

Suspensos, Leonardo Silva e Richarlyson também não enfrentam o Bahia. Werley e Triguinho serão seus substitutos. O time, assim, deve ter: Renan Ribeiro; Mancini, Réver, Werley e Triguinho; Pierre, Fillipe Soutto, Serginho e Daniel Carvalho; Neto Berola e Magno Alves (Jonatas Obina).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.