Contusão não faz Romário se aposentar

O fisioterapeuta do Vasco, Fábio Marcelo, disse que o atacante Romário não pensa em parar de jogar futebol tão cedo. O jogador sentiu dores no músculo adutor da coxa direita na vitória sobre o Americano, por 2 a 1, na última rodada do Campeonato Estadual e foi substituído. De acordo com Fábio, Romário pretendia disputar a Copa do Mundo e depois reavaliaria sua situação. Com a não convocação, a prioridade do jogador passou a ser a de fazer mil gols. Segundo o fisioterapeuta, o artilheiro só irá pensar na aposentadoria após a conquista desta meta. Fábio acha que Romário tem condições de jogar por mais dois ou três anos. Ele disse que a contusão de Romário não parece ser grave, mas a escalação do jogador para o clássico contra o Fluminense, previsto para esta quarta-feira, pelo Estadual, é muito difícil. O técnico Evaristo de Macedo recebeu nesta segunda-feira o primeiro reforço da equipe para a disputa do octogonal final do Campeonato Estadual e das competições do segundo semestre. O lateral-esquerdo Jorginho teve o seu passe emprestado pelo Palmeiras e fica no Vasco até dezembro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.