Copa de 2014 bate recorde e já tem 95 mil inscrições de voluntários

Número já supera os dos mundiais anteriores e ultrapassa expectativa inicial de interessados no programa

O Estado de S. Paulo

30 de agosto de 2012 | 19h15

RIO - Após a reunião do Conselho de Administração do Comitê Organizador Local (COL), nesta quinta-feira, no Rio, foi divulgada uma nova atualização do número de inscritos para ser voluntário na Copa de 2014. Em 10 dias, já são 95.477 candidatos, um recorde na história da Fifa. Para o Mundial de 2006, na Alemanha, foram 48 mil pretendentes. E em 2010, na África do Sul, a marca atingida foi de 70 mil.

Apesar de já ter ultrapassado a meta inicial do COL, que esperava atingir 90 mil candidatos, as inscrições continuam abertas pelo menos até o dia 4 de setembro, quando deve ser realizado um novo balanço. Segundo os dados preliminares, os inscritos para ser voluntário na Copa do Mundo que acontecerá no Brasil são de 126 países diferentes, sendo que 47% deles são mulheres.

"Estamos felizes com a participação dos brasileiros no programa de voluntários", disse o ex-jogador Ronaldo, que é membro do Conselho de Administração do COL, após participar da reunião desta quinta-feira no Rio. "A participação dos voluntários na organização da Copa do Mundo é muito importante", completou o também ex-atacante Bebeto, outro que faz parte da organização do Mundial no Brasil.

A Fifa espera escolher 7 mil voluntários para trabalhar na Copa das Confederações em 2013 e outros 15 mil para o Mundial de 2014. Depois da seleção dos candidatos, os treinamentos devem começar em dezembro. Para quem for selecionado, o trabalho voluntariado não é remunerado, mas a pessoa vai receber uniformes e auxílio para alimentação e deslocamento durante o evento.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCopa de 2014voluntários

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.