Lucas Figueiredo/CBF
Lucas Figueiredo/CBF

Copa do Brasil: sorteio define os confrontos das oitavas de final nesta terça-feira

Todos os dezesseis classificados podem se enfrentar, sem qualquer restrição para definição dos cruzamentos

Redação, O Estado de S.Paulo

07 de junho de 2022 | 08h00

A CBF realiza nesta terça-feira, às 15h, em sua sede no Rio, o sorteio que define as oitavas de final da Copa do Brasil. Com 16 equipes participantes, não haverá restrição de confrontos nem divisão por potes. Desse modo, clássicos estaduais e importantes clubes poderão se enfrentar já na próxima etapa do torneio mata-mata.

Diferentemente de anos anteriores, a Copa do Brasil não deu muitos espaços para zebras. Entre os classificados para as oitavas de final, 14 times jogam na Série A do Campeonato Brasileiro, enquanto apenas dois atuam na Série B do Nacional (Bahia e Cruzeiro). Nesta fase, os jogos serão novamente disputados em ida e volta. Após a definição dos oito times que avançam às quartas de final, um novo sorteio apontará o chaveamento completo das etapas seguintes até a decisão.

Os times que se classificaram para as oitavas de final da Copa do Brasil foram premiados com R$ 3 milhões. Quem passar para as quartas de final somará mais R$ 3,9 milhões. Já os semifinalistas ganham R$ 8 milhões, enquanto o vice-campeão leva R$ 25 milhões e o campeão fica com o montante de R$ 60 milhões. O vencedor do torneio, que ganha vaga para a Libertadores do ano seguinte, pode acumular até R$ 80 milhões em premiações.

Estão classificados para as oitavas de final da Copa do Brasil: Goiás, Atlético Goianiense, Ceará, Fluminense, Bahia, São Paulo, Corinthians, Botafogo, Atlético-MG, Fortaleza, Athletico-PR, Palmeiras, América-MG, Cruzeiro, Flamengo e Santos.

As bolinhas do sorteio poderão formar, por exemplo, um clássico paulista entre Palmeiras e Corinthians ou um duelo entre os cariocas Flamengo e Fluminense, como foi na decisão do Cariocão. Um encontro entre Atlético-MG e Cruzeiro também pode acontecer já nesta fase da competição.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.