AFP
AFP

Copa do Catar deve mudar também datas da Copa Africana

Competição continental, que será disputada em Guiné e usualmente ocorre entre janeiro e fevereiro, seria transferida para o meio do ano

Estadão Conteúdo

25 de fevereiro de 2015 | 11h05

Caso a Fifa confirme a decisão de marcar para entre novembro e dezembro de 2022 a Copa do Mundo do Catar, também a Copa Africana de Nações de 2023 terá sua data modificada. A competição usualmente acontece entre janeiro e fevereiro e seria deslocada para o meio do ano.

O torneio, que desde o ano passado acontece em anos ímpares, já tem suas sedes definidas até 2023, com exceção de 2017. Depois de passar por Camarões (2019) e Costa do Marfim (2021), a Copa Africana chegará a Guiné em 2023 - vale ressaltar que Guiné e Guiné Equatorial, sede deste ano, são países diferentes.

Nesta quarta-feira, a Confederação Africana de Futebol (CAF) confirmou que não pretende organizar a Copa Africana em janeiro de 2023. Isso faria com que os clubes europeus perdessem seus principais jogadores africanos por cerca de quatro meses seguidos, entre outubro de 2022 e fevereiro de 2023.

As datas da Copa do Mundo de 2022 serão confirmadas em uma reunião do comitê executivo da Fifa, entre os dias 19 e 20 de março, na sede da entidade, em Zurique. Na terça, um comitê interno da entidade recomendou que o Mundial comece em novembro, durando 28 dias. O encerramento é previsto para 23 de dezembro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.