Itaquerão melhora sinalização para Uruguai x Inglaterra

Sem o apelo da primeira partida da arena, nenhum contratempo é registrado na chegada dos torcedores para o jogo desta quinta-feira

Felipe Rosa Mendes e Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

19 de junho de 2014 | 14h46

Os torcedores que estão chegando para o segundo jogo da Arena Corinthians na Copa do Mundo, entre Uruguai e Inglaterra, na tarde desta quinta-feira, têm encontrado melhor sinalização e mais tranquilidade no caminho para o estádio de São Paulo. Sem o mesmo apelo da primeira partida, justamente a abertura do Mundial, entre Brasil e Croácia, há uma semana, nenhum contratempo foi registrado na abertura dos portões da arena para ingleses e uruguaios.

Ingleses e uruguaios, que serão maioria nas arquibancadas, têm maior facilidade para entrar no estádio por causa da melhor sinalização e das orientações dos voluntários, que foram atrapalhadas na abertura da Copa. Há uma semana, os torcedores demoraram para entrar e parte deles perdeu a cerimônia antes do jogo entre Brasil e Croácia.

Apesar do frio, os torcedores não perderam a animação a poucas horas do início da partida. Uruguaios e ingleses confraternizavam na saída do metrô e nos arredores do estádio. A expectativa é de que 10 mil torcedores do Uruguai compareçam ao duelo decisivo, válido pelo Grupo D.

Muitos torcedores, contudo, ainda sonham em conseguir um ingresso a poucas horas da partida. Dezenas seguravam uma plaquinha, com mensagens em português e inglês, pedindo bilhetes para quem passava nas estações de trem e metrô. Cambistas também circulavam pelo local. Um deles negociava uma entrada para o jogo pelo valor de US$ 1.500.

No estádio, a organização testou no fim da manhã a locução e os hinos dos dois países, executados diversas vezes para evitar problema sofrido no Beira-Rio, quando França e Honduras ficaram sem hino por causa de uma falha na geração do áudio. No primeiro jogo no Itaquerão, na abertura da Copa, houve problemas na locução. A apresentação da música oficial da Copa, com performances de Claudia Leitte, Jennifer Lopez e do rapper Pitbull, foi prejudicada, assim como o anúncio das escalações de Brasil e Croácia.

O torcedor que está se encaminhando para o Itaquerão deverá se preocupar com o frio e o forte vento que atinge as arquibancadas. No momento, os termômetros registram 15 graus no arredores do estádio e há previsão de chuva durante a partida.

Com derrotas na estreia, Uruguai e Inglaterra fazem confronto decisivo nesta quinta-feira. Quem perder neste equilibrado Grupo D, que tem três campeões mundiais - o outro é a Itália -, estará praticamente eliminado da Copa do Mundo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.